i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Estados Unidos

Câmara dos EUA deve votar segundo impeachment de Trump na quarta; entenda o processo

  • PorGazeta do Povo
  • 11/01/2021 22:05
Barricada de segurança em frente à Casa Branca, Washington, em 11 de janeiro
Barricada de segurança em frente à Casa Branca, Washington, em 11 de janeiro| Foto: Stefani Reynolds/ Getty Images/ AFP

Nos últimos dias de seu mandato, o presidente americano Donald Trump pode passar por um segundo processo de impeachment, depois que a bancada democrata na Câmara dos EUA apresentou formalmente, nesta segunda-feira (11), um pedido para começar o procedimento.

A oposição acusa Trump de "incitação a insurreição", após os tumultos no Capitólio americano que deixaram cinco mortos, incluindo um policial, na semana passada.

A democrata Nancy Pelosi, líder da Câmara, colocou em andamento um plano em duas partes. Uma primeira resolução, apresentada na Câmara, pedia que o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, invocasse a 25ª emenda da Constituição para remover Trump da Casa Branca.

Uma cláusula dessa emenda estabelece o mecanismo para a remoção de um presidente caso ele seja considerado incapaz de cumprir as funções do cargo pelo vice-presidente e a maioria de seu gabinete.

Em sessão na Câmara nesta segunda-feira, republicanos bloquearam a votação imediata dessa resolução que pediria que Pence considerasse a norma constitucional. Pelosi disse que pediu ao vice que ele dê uma resposta em 24 horas. É improvável que o pedido seja atendido por Pence, já indicou que não tem intenção de invocar a emenda.

Em seguida, os democratas prosseguiram com a apresentação do artigo de acusação contra Trump para o processo de impeachment.

O artigo acusa o presidente Trump de ter violado seu juramento ao ter "cometido crimes graves e contravenções ao incitar a violência contra o governo dos Estados Unidos". O texto argumenta que a 14ª emenda constitucional impede que qualquer pessoa envolvida em "insurreição ou rebelião" ocupe um cargo público no país.

O artigo deve ser colocado em votação já na quarta-feira, disse o líder da maioria na Câmara, Steny Hoyer, a democratas em uma ligação nesta segunda-feira, relatou a imprensa americana. O deputado David Cicilline, autor do artigo, disse durante a tarde que já tem os votos necessários para aprovar o impeachment na Câmara.

A Câmara poderia votar rapidamente no artigo de impeachment e enviá-lo ao Senado, que teria dar prioridade à questão. Mas a aprovação do artigo de impeachment no Senado americano seria uma tarefa mais complicada, já que os senadores estão em recesso até o dia da posse de Biden, em 20 de janeiro.

Como o julgamento não poderia ocorrer antes de Trump deixar o cargo, especialistas têm discutido se um julgamento de impeachment pode ser feito contra um ex-membro do governo. Segundo o National Review, a Constituição americana não oferece uma resposta explícita, mas alguns especialistas entendem que o Congresso tem esse poder. Caso seja condenado após deixar a presidência, o Senado poderia decidir proibir que Trump concorra a cargos públicos novamente.

Com esse cronograma, a confirmação do gabinete de Biden seria atrasada, como explicou a NPR. Isso deixaria o presidente recém-empossado sem secretários de Defesa, Segurança Interna ou de Estado, por exemplo.

Além disso, a aprovação do impeachment pelos senadores, assim como aconteceu na primeira vez em que Trump enfrentou o processo, é improvável. Um pequeno número de senadores e deputados republicanos declararam apoio à iniciativa dos democratas de afastar o presidente, mas um número muito maior precisaria se juntar ao movimento. A condenação a Trump precisaria do voto de dois terços dos senadores para ser aprovada - ou seja, 17 republicanos teriam que pular o muro e votar com os democratas.

Trump foi acusado em dois artigos de impeachment em 2019, por abuso de poder e obstrução do Congresso. A Câmara aprovou as duas acusações em dezembro daquele ano, enquanto o Senado absolveu o republicano das acusações. Na ocasião, nenhum republicano da Câmara votou a favor dos artigos. No senado, o republicano Mitt Romney votou com os democratas em um dos artigos.

7 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 7 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • T

    Tupinambá

    ± 5 horas

    Se os democratas levarem um pedido de impeachment após a saída do Trump no dia 20/01/21 seria uma afronta à constituição e um absurdo jurídico e político! Isso mostra o desespero para impedir o avanço conservador na sociedade americana!!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • S

      Sartan

      ± 5 horas

      Desespero do que? eles estão eleitos , tu falas como se seu Trump não tivesse feito nada e o que esta acontecendo é uma conspiração mundial contra ele e seu lado santo e solene

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

  • T

    TIAGO

    ± 6 horas

    Que vergonha. Eles querem criar narrativa e vão. Trump vai ser o único presidente a sair ileso de dois processos de impeachment.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • T

      TIAGO

      ± 2 horas

      Ah Sartan, de novo vocÊ? Não estou afim de te alfabetizar não... Vai procurar outro.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • S

      Sartan

      ± 5 horas

      Só não saiu ileso do processo democrático, perdeu as eleições chorou , esperneou e ate instou invasão mas não levou não adianta seus seguidores quererem colocar santifica-lo passando o pano em tudo o que ele fez.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

  • B

    Bruno M

    ± 15 horas

    Zero novidade até aqui. Estão tentando fazer isso há 4 anos! Parece a esquerda brasileira. Até impeachment por causa de churrasco já tentaram!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • S

      Sartan

      ± 5 horas

      Falam com a arrogância de quem esta se perpetuando no poder e na verdade não esta, ele perdeu as eleições, e ele esta sofrendo esse processo por suas próprias atitudes e por ter tentado continuar no poder através de um golpe

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

Fim dos comentários.