i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
indenização

Mulher ganha US$ 3,5 milhões após cirurgia a deixar com "quatro seios"

Maria Alaimo disse que a cirurgia arruinou seu casamento. Júri passou nove horas para chegar ao veredito final

  • PorG1/Globo.com
  • 11/03/2010 16:14
Maria Alaimo ganhou uma indenização de US$ 3,5 milhões | Reprodução/Staten Island Advance
Maria Alaimo ganhou uma indenização de US$ 3,5 milhões| Foto: Reprodução/Staten Island Advance

A norte-americana Maria Alaimo, de 46 anos, venceu a ação que movia na Justiça de Staten Island, no estado de Nova York (EUA), e ganhou uma indenização de US$ 3,5 milhões após uma cirurgia para implante de silicone a deixá-la com "quatro seios".

Segundo o jornal "Staten Island Advance", cinco dos seis membros do júri decidiram na quarta-feira que o cirurgião Keith S. Berman deve pagar a indenização à mulher por danos, já que ela ficou com "deformidades" nos seios após a cirurgia realizada em 2003.

O júri passou nove horas entre terça e quarta-feira para chegar ao veredito na Suprema Corte do estado, St. George, após mais de uma semana de depoimentos de testemunhas e especialistas de ambas as partes, além do médico e Maria Alaimo.

Durante o julgamento, ela alegou que o cirurgião nunca a alertou sobre os riscos da colocação de silicone nos seios. Maria afirmou que a operação acabou com seu casamento e sua saúde. Ela precisou fazer outras duas cirurgias para corrigir o primeiro procedimento estético.

Diante dos jurados, a mulher lembrou que tinha "uma vida muito feliz", como mãe de duas meninas e o casamento de 17 anos com Dominic Alaimo. No entanto ela ressaltou que Berman a deixou com "quatro seios", o que abalou sua auto-estima e arruinou seu casamento.

O casal se separou em 2004, um ano depois de Maria Alaimo ter realizado a operação para aumentar os seios. Inicialmente, a mulher pedia US$ 5 milhões de indenização no processo. No entanto os jurados consideraram o valor elevado e diminuíram para US$ 3,5 milhões.

O médico afirmou que alertou a mulher sobre os riscos potenciais, incluindo a cicatrização, e as possíveis consequências da colocação de implantes. Seu advogado destacou que ela estava preocupada apenas com o "glamour" de aumentar os seios.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.