i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Pandemia

Mundo supera marca de 1,5 milhão de mortes por Covid-19

    • Estadão Conteúdo
    • 03/12/2020 20:00
    Curitiba suspende cirurgias eletivas em hospitais particulares
    Imagem ilustrativa.| Foto: Daniel Caron / Gazeta do Povo / Arquivo

    O mundo ultrapassou nesta quinta-feira (3), a marca de mais de 1,5 milhão de mortes pelo novo coronavírus oficialmente registradas desde o início da pandemia, de acordo com a contagem da Universidade Johns Hopkins e da agência France Presse. Já são cerca de 65 milhões de casos no mundo.

    No total, 1.500.038 mortes foram registradas no mundo desde o início da pandemia na China, em dezembro. A América Latina – e Caribe – é a região mais afetada, com 452.263 mortes, à frente da Europa (430.060 mortes) e dos Estados Unidos e Canadá (286.946).

    Desde 24 de novembro, mais de 10 mil mortes por dia foram registradas em média, um nível desconhecido até agora.

    Mais da metade dessas mortes nos últimos sete dias ocorreram na Europa (36.446), que está no meio da segunda onda da pandemia. Itália (5.017 mortes), Polônia (3.220), França (3.198) e Reino Unido (3.166) são os países mais afetados durante esse período.

    No mundo, os Estados Unidos são o país com mais mortes desde o início da pandemia (274.577), seguido pelo Brasil (174.515) e pela Índia (138.648).

    Entre os países mais afetados, a Bélgica tem a pior taxa de mortalidade (146 óbitos por 100 mil habitantes), seguida do Peru (109), Espanha (98), Itália (96) e Macedônia do Norte (89).

    Mais de 4 mil casos de Covid-19 foram registrados em média a cada semana desde meados de novembro. Nos últimos sete dias, para cada três casos mais de dois foram registrados em Europa, Estados Unidos e Canadá.

    O aumento das infecções detectadas pode ser parcialmente explicado pelo maior número de exames realizados em alguns países, mas uma parte significativa dos casos menos graves ou assintomáticos provavelmente ainda não foi detectada.

    Restrições pelo mundo

    Nesta quinta-feira, o governo italiano proibiu viagens no Natal e no ano-novo para conter uma nova onda da Covid-19. A restrição passa a valer em todo o país entre os dias 21 de dezembro e 6 de janeiro.

    Com isso, a Itália se torna o 1.º país da Europa a anunciar uma proibição de deslocamento durante o recesso de fim de ano. A Espanha e o Reino Unido já haviam apresentado mais cedo nesta semana algumas recomendações para as festas, mas não impuseram restrição de viagem.

    Com os casos de Covid-19 ultrapassando o pico registrado em abril, e com cerca de 3,2 mil mortos apenas nessa quarta-feira (2), os Estados Unidos estão enfrentando o momento mais difícil da história da saúde pública no país, na opinião de alguns especialistas.

    O número de mortos registrado na quarta-feira é o maior desde o início da pandemia. Nem mesmo a letalidade registrada no mês de abril, quando o país se tornou o epicentro da Covid-19, uma quantidade tão grande de mortos foi relatada em 24 horas. A maior quantidade de mortos, até então, havia sido registrada em 15 de abril, quando 2.752 pessoas perderam a vida em decorrência da doença.

    8 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
    Use este espaço apenas para a comunicação de erros
    Máximo de 700 caracteres [0]

    Receba Nossas Notícias

    Receba nossas newsletters

    Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

    Receba nossas notícias no celular

    WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

    Comentários [ 8 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

    • J

      Jorge Okamoto

      ± 0 minutos

      No mundo, morre-se anualmente, 60 milhões. De doença cardíaca, 7,2 milhões e AVC 5,8 milhões.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • M

        Mário Kume

        ± 1 horas

        A imprensa "negra" ajudada pela farsa chinesa implantou um chip no cérebro da população de que só o Covid mata. As estatísticas corretas e honestas comprovam que esta virose mata menos do que todas as outras doenças. Os cuidados devem ser permanentes mas nem tudo que se publica é verdade...

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        • H

          Hélio

          ± 2 horas

          É maior farsa das últimas décadas, inventada propositalm, ente pelo Globalismo! Ora! Se é para mostrar números assustadores vamos lá: Com 7 bilhões de habitantes que duram em média 70 anos, morrem por ano 100 milhões. Portanto a COVID representa apenas 1,5% das mortes. E quantos dessas pessoas já iam morrer mesmo em decorrência da idade e/ou das comorbidades? Gostaria muito de ver um levantamento completo dessas mortes, mas não há um único especialista ou entendido que o apresente.

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

          • F

            FRANCISCO WELLINGTON FRANCO DE SOUZA

            ± 3 horas

            O que esse número realmente significa quando comparado com outras pandemias, gripes sazonais e outras doenças, tipo as do coração. A intenção da matéria é informar ou amedrontar? Por que não falar do número de recuperados e a real taxa de mortalidade dessa pandemia? Temos esses números? Por que não são apresentados? Fica a pergunta.

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

            • M

              Maria

              ± 8 horas

              Considerando a população mundial é pouco para o que Bill Gates pretendia. E é preciso checar se todas as mortes foram realmente causadas só pelo vírus. Massacraram a população mundial com todo esse terrorismo.

              Denunciar abuso

              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

              Qual é o problema nesse comentário?

              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

              Confira os Termos de Uso

              • C

                Cristian carla a. Volski cassi

                ± 10 horas

                Todo mundo vai pegar

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

                • B

                  bombastus

                  ± 11 horas

                  O vírus existe e é mais severo que os anteriores (como sempre), mas só vamos combatê-lo sem imaturidade, ignorância e oportunismo barato. Temos que deixar de ter medo, ficar ouvindo a imprensa alarmista, cobrar números confiáveis, cobrar atitudes de saúde e saneamento, mantermo-nos calmos, bem alimentados e com atividades físicas apropriadas e entender que do vírus de gripe ninguém escapa. Faz séculos. THE PANDEMIA IS OVER, IF YOU WANT. O resto é alarmismo político e ideológico. Repito, respeito o vírus, é perigoso, mas deram a ele mais status que merece.

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

                  • F

                    Francisco J. - 2019

                    ± 12 horas

                    Quantas terão sido POR covid chinesa e quantas COM covid-chinesa ? São mortes LIGADAS ao covid chinês, mas talvez nunca saibamos quantas foram, realmente, CAUSADAS pelo tal vírus. Lamentáveis mortes. Muitas por certo teriam sido evitadas se a China não tivesse segurado e retardado INFORMAÇÕES, junto com a OMS (Organização Mundial Sem Noção).

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                    Fim dos comentários.