i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Crise energética

Venezuela sofre apagão antes de eleições regionais

  • PorReuters
  • 19/10/2008 15:49
O apagão atingiu áreas dentro e fora da capital Caracas, pelo menos outras três grandes cidades e uma região turística | JORGE SILVA/REUTERS
O apagão atingiu áreas dentro e fora da capital Caracas, pelo menos outras três grandes cidades e uma região turística| Foto: JORGE SILVA/REUTERS

CARACAS - Um grande apagão ocorrido neste domingo na Venezuela foi o mais recente de uma série de falhas no setor de energia elétrica do país. Os seguidos problemas têm se tornado uma desvantagem política para o presidente Hugo Chávez na nação que faz parte da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep).

As operações relativas à produção de petróleo no país, um dos maiores exportadores do mundo, não foram afetadas por usarem uma rede de energia elétrica distinta da residencial, disse o porta-voz de uma empresa estatal.

O apagão de domingo atingiu áreas dentro e fora da capital Caracas, pelo menos outras três grandes cidades e uma região turística na costa, segundo moradores. Uma autoridade do setor de energia disse ao canal de TV estatal que oito estados centrais foram afetados, embora o fornecimento de energia elétrica estivesse sendo gradualmente reestabelecido em algumas áreas.

Chávez, que estatizou a maior empresa privada de energia no ano passado, admitiu que a Venezuela tem uma infra-estrutura deficiente no setor devido a anos de pouco investimento.

Enquanto ele alerta eleitores de que melhorias devem levar tempo, as pesquisas mostram venezuelanos cada vez mais preocupados com os apagões, antes das eleições regionais no país, daqui a pouco mais de um mês.

Pela primeira vez em sua carreira política, Chávez perdeu uma votação no ano passado -- um referendo sobre a ampliação de seus poderes -- em parte porque os venezuelanos estavam decepcionados com seu fracasso em resolver problemas básicos como a escassez de alimentos periódica.

Analistas políticos dizem que, agora que ele conseguiu resolver a problema dos alimentos, os apagões poderão simbolizar para os eleitores os fracassos de Chávez.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.