Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado

O podcast de hoje trata da revisão do governo, que aumentou as expectativas da inflação para 2022 e 2023. Para este ano, a projeção passou de 6,55% para 7,90%, e para o ano que vem, de 3,25% para 3,60%. O secretário de Política Econômica do Ministério da Economia destaca que esse é um problema global. Os Estados Unidos, por exemplo, enfrentam a maior inflação em 40 anos e a União Europeia, a mais elevada desde 1999, quando foi adotado o euro. Entre os fatores que contribuíram para o aumento nas expectativas estão a alta dos alimentos, a manutenção do preço do barril do petróleo em patamares próximos aos US$ 100 e uma inflação de serviços mais elevada.

E ainda:

Depois de deixar a corrida presidencial ao trocar o Podemos pelo União Brasil, o ex-ministro Sergio Moro tem se concentrado em conseguir uma vaga no Congresso Nacional. Ele ainda não bateu o martelo sobre qual cargo pretende, se de deputado federal ou de senador, mas tem buscado contatos com lideranças políticas de diversos grupos em seu novo domicílio eleitoral. Moro trocou o Paraná, onde ganhou projeção pelo trabalho como juiz na Operação Lava Jato, pelo estado de São Paulo. O União Brasil já sinalizou que concorrerá ao Palácio do Planalto com a candidatura do deputado Luciano Bivar (PE), presidente nacional do partido. Uma das possibilidades ventiladas seria de Moro compor como vice. No entanto, lideranças do partido admitem que são remotas as chances dessa chapa ser oficializada.

Twitter e liberdade de expressão. A jornalista Paula Schmitt teve a conta suspensa na rede social por 7 dias após publicar um post a respeito dos testes da vacina da Pfizer. Ela tem mestrado em Ciências Políticas e Estudos do Oriente Médio pela Universidade Americana de Beirute e foi correspondente e colunista de diversos veículos. Procurado pela reportagem, o Twitter não explicou os motivos específicos para a punição. Apenas declarou que o perfil teve os recursos limitados por violação às regras e que as funções do perfil já tinham sido restabelecidas. O link informado pela assessoria de imprensa lista como passíveis de suspensão posts que incentivem violência, terrorismo, exploração sexual de menores, abuso e assédio, conduta de propagação de ódio, ataques violentos, incentivo a suicídio ou automutilação e propagação de conteúdo adulto ou serviços ilegais. A conta voltou a funcionar sete dias depois, mas não há nenhuma indicação de que Paula tenha promovido qualquer post com conteúdo deste tipo de teor.

A varíola dos macacos é uma doença viral endêmica na África Central e Ocidental. Nesta semana, porém, estão sendo feitos diagnósticos da doença na Europa e na América do Norte. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), ela se manifesta através de febre, dores musculares, glândulas inchadas e erupções cutâneas nas mãos e no rosto, parecida com catapora. A OMS alerta que a doença, que é transmitida através de gotículas de fluidos do corpo, contato direto com a pele ou objetos contaminados, representa um risco maior para crianças e mulheres grávidas, que podem transmitir a varíola dos macacos para os fetos. Reino Unido, Espanha, Portugal e Itália já confirmaram casos, assim como os Estados Unidos. A OMS também apontou que a vacina contra a varíola tradicional é eficaz contra a doença.

Opinião de Lúcio Vaz, que comenta o caso de um senador que gastou R$ 990,00 em um almoço em uma churrascaria de São Paulo. Só a picanha custou quase o mesmo valor do benefício Auxílio Brasil. E detalhe: teve reembolso.

4 dicas pra deixar a casa quentinha e aconchegante frio. Tecidos aveludados ou de lã para cobrir móveis e almofadas podem ajudar. Assim como tapetes com pelos mais altos e tecidos mais encorpados. Pra garantir o conforto térmico dentro de casa, lembre de fechar portas, janelas e aquelas frestinhas. E claro que dá pra investir em aquecedores ou aparelhos de ar-condicionado. Ou então a charmosa lareira, que pode ser à lenha ou a gás.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]