i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Editorial

O fim abrupto do Renda Brasil

  • PorGazeta do Povo
  • [15/09/2020] [20:15]
Ministro da Economia, Paulo Guedes, e o presidente Jair Bolsonaro: queda no PIB poderia ter sido mais feia, mas não foi.
O ministro da Economia, Paulo Guedes, e o presidente Jair Bolsonaro.| Foto: Sérgio Lima/AFP

Até segunda-feira, tirar do papel o Renda Brasil, desenhado para ser o substituto do Bolsa Família e se tornar a “marca social” do governo de Jair Bolsonaro, era prioridade. Na manhã de terça-feira, não mais que de repente, “até 2022, no meu governo, está proibido falar a palavra ‘Renda Brasil’”, disse o presidente em um vídeo transmitido pelas mídias sociais. No centro da controvérsia estava a ideia de buscar recursos para o novo programa social por meio do congelamento de benefícios previdenciários, hoje corrigidos automaticamente pela inflação, e que ganhou as manchetes após entrevista do secretário especial da Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues Júnior, ao jornal Valor Econômico.

O ministro da Economia e chefe de Rodrigues, Paulo Guedes, atribuiu a irritação do presidente ao que chamou de “distorção” das ideias da equipe econômica, que pretendia desindexar todas as despesas do Orçamento, não apenas de aposentadorias, pensões e do Benefício de Prestação Continuada (BPC). De fato, é sabido desde o envio das PECs dos Fundos, Emergencial e do Pacto Federativo que a equipe econômica trabalha com o que chama de “três Ds”, em referência a desindexar, desvincular e desobrigar receitas e despesas, medidas importantes para que o orçamento não continue sofrendo do extremo engessamento que mantém o investimento público em patamares mínimos. No entanto, não há como negar que o secretário da Fazenda efetivamente falou em buscar os recursos necessários para o Renda Brasil por meio do congelamento das aposentadorias e pensões.

Em vez de a equipe econômica discutir a portas fechadas com Bolsonaro os meios de tornar possível o novo programa social, as propostas são primeiro tornadas públicas e depois abatidas em pleno voo pelo presidente

Todo o ruído causado pela entrevista do secretário e pela reação de Bolsonaro é reflexo de um modus operandi que o governo e a equipe econômica já empregaram nas discussões sobre a reforma tributária: o recurso quase que exclusivo a balões de ensaio. No caso da reforma tributária, as ideias mais diversas são lançadas ao público com o objetivo de testar a sua aceitação; com o Renda Brasil, parece ser ainda pior: em vez de a equipe econômica discutir a portas fechadas com Bolsonaro os meios de tornar possível o novo programa social, as propostas são primeiro tornadas públicas e depois abatidas em pleno voo pelo presidente, causando um enorme desgaste a Guedes e sua equipe. Foi assim com a tentativa de acabar com o abono salarial, ocasião em que Guedes descreveu a reprimenda de Bolsonaro como “carrinho fora da área”, e não haveria como ser diferente agora, com uma reação ainda mais exaltada da parte do presidente.

Faltou, no entanto, uma explicação mais consistente para o fim de qualquer possibilidade de criar o Renda Brasil. Guedes tentou fazer do limão uma limonada ao afirmar que a decisão privilegia a responsabilidade fiscal e sinaliza respeito ao teto de gastos, o que é verdade. A matemática é fácil: para tornar possível o novo programa, seria preciso cortar cerca de R$ 20 bilhões em despesas para cobrir a diferença entre o custo atual do Bolsa Família e o impacto do Renda Brasil como desejado por Bolsonaro. Difícil está sendo tomar a decisão política sobre o que deve ser cortado para viabilizar o novo programa. Acaba sendo mais cômodo encerrar todas as discussões e colocar a culpa em uma ideia considerada aloprada ou insensível, em vez de reconhecer a incapacidade de encontrar uma forma de colocar em pé o Renda Brasil sem burlar as regras orçamentárias.

Em um país pobre e desigual como o nosso, o Renda Brasil, que tem a mesma inspiração liberal que está na raiz do Bolsa Família, merecia uma boa discussão, tendo em mente o drama dos brasileiros mais vulneráveis, mas sempre dentro do que pede a responsabilidade fiscal. Se as propostas colocadas na mesa até agora não eram satisfatórias, o ideal seria seguir buscando meios de viabilizar o programa – de preferência internamente, sem os ruídos causados sempre que se recorre aos balões de ensaio. O que não era aconselhável foi justamente o que aconteceu: o encerramento abrupto dos esforços, ainda mais da forma destemperada e impulsiva empregada por Bolsonaro em seu vídeo. A não ser que, efetivamente, já se tenha tentado de tudo para encontrar os tais R$ 20 bilhões, sem sucesso; neste caso, falta apenas saber se o presidente está sendo inflexível demais ou se as disfuncionalidades do nosso orçamento chegaram a um nível insustentável.

18 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]
Tudo sobre:

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 18 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • J

    JOSÉ IVALDO

    ± 11 horas

    Cortar gastos do privilegiado funcionalismo NADA NÉ, ahhhhhhh governinho safado

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    JOSÉ IVALDO

    ± 11 horas

    Cortar gastos do privilegiado funcionalismo NADA NÉ, ahhhhhhh governinho safado

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • B

    Bevi

    ± 11 horas

    Falar pelos cotovelos é desgastante. "Quem fala demais, dá bom dia a cavalo" e dá margem aos achaques mais delirantes...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • B

    Bevi

    ± 11 horas

    Falar pelos cotovelos é desgastante. "Quem fala demais, dá bom dia a cavalo" e dá margem aos achaques mais delirantes...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    AMAURI

    ± 15 horas

    "Gado", cadê você?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • I

      IvoHM

      ± 14 horas

      Na fila para cobrir a vaca da sua progenitora.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • X

    Xicote

    ± 15 horas

    Ja se passou metade do governo Bolsonaro ..e o que temos ??? Obras requentadas do PT !!!! Uma estradinha aqui ..outra ali ... Quais os planos para o Brasil daqui a 10 anos ??? Bozo nao fez nada ate agora ...e vive pensando na reeleicao !!!! Vai ficar na historia ...queria que todos os cancerosos tomassem FOSFOETALONAMINA ...agora Cloroquina ..cara manja !!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Pedro

    ± 16 horas

    Infelizmente, o Presidente Bolsonaro não tem nenhum compromisso com reformas estruturais e ajuste fiscal. Ele não pensa em nada além de sua reeleição. Isso já está claro demais.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • F

    Flavio Teixeira

    ± 16 horas

    O mandato do bozo parece aquela foto do Jânio Quadros...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    AMAURI

    ± 16 horas

    Bozo já tomou toda cloroquina que trouxe para o Brasil? Também vai ter que tomar todo etanol que trouxe de fora. Haja bucho.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    Dilbert

    ± 17 horas

    Temos um ministro milionário e vaidoso, que não liga a mínima para pobres, aposentados, funcionários públicos (se bem que ele disse que os de elite “ganham pouco”) e trabalhadores em geral. Só quer atender os interesses de um pequeno grupo visando manter tudo como está no país mais desigual do mundo. Do outro lado, temos um presidente medíocre, que sempre se beneficiou das mamatas públicas para si e para os filhotes, mas que agora quer posar de populista e “pai dos pobres”. Esse casamento não vai acabar bem e aí sim vamos ver se a turma do andar de cima vai continuar passando o pano para esse grupo de incompetentes que desgoverna o país. E quando saírem, será terra arrasada (e queimada)!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    NH4NO3

    ± 17 horas

    Gente de barriguinha cheia e estufada não tem moral para criticar bolsa família.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    NH4NO3

    ± 18 horas

    Delírio do Bozo, para fazer IBOPE entre o gado mais ignorante. Simples. O $ não dá, é muito para muita gente. Simples. Muda o nome do Bolsa Família e abaixa o valor pela metade; mesmo assim o povo vai ficar feliz.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • S

      Sartan

      ± 16 horas

      Joao C S Soares: Conhece bem a imagem dele , como com certeza você nunca o viu a cara deve ter achado que o reflexo do espelho era ele, e tudo porque ele criticou o mito supremo. Me diga como ficou sabendo do mensalão e do petrolão, aaaa pela imprensa tendenciosa, que na época era ótima isenta e fazia seu trabalho. hoje é tendenciosa porque critica o mito supremo imaculado. culpa os outros por ficarem calados para justificar que todos se calem e deixem o mito fazer o que quer a vontade

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • J

      Joao C S Soares

      ± 17 horas

      Gado ignorante? Fala o miliTONTO de orelhas compridas que se acha esperto. Há poucos anos atrás, a mídia tendenciosa e vocês, militontos de plantão, acompanhavam, ás vezes num silêncio incompreensível e ensurdecedor, as maracutaias, os conchavos e as parcerias sombrias entre os chefes do executivo e a elite privilegiada do empresariado para tramar o assalto do país. Nos dias atuais, a discussão se limita à forma não ortodoxa de o presidente se expressar em público. Pelo visto, as coisas saíram um pouco do gosto da esquerdalha miliTONTA e o tal "gado" tem muito mais motivo para relaxar tranquilamente no momento em que deita a cabeça no travesseiro.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    Sergio

    ± 18 horas

    O país não desenvolve. Sempre tentando fazer politicagem. É tão ruim que nem isso consegue fazer direito. A classe média (inclusive os servidores básicos) é que contribui nesse país e não consegue burlar o fisco. Nem se discute sobre os altos salários ds marajás do serviço público como desembargadores, juízes, procuradores, auditores, que distorcem em relação aos demais.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • G

    Gustavo

    ± 1 dias

    O problema é que muita gente que não precisa de tal benefício acaba sendo beneficiada, o que o torna mais oneroso ao Estado, que, em ação regressa, cobra de nós, os contribuintes! Outra é a armadilha de deixar mais brasileiros sob o manto financeiro e protetor do Estado fazendo com que tal "renda" seja o único meio de sustento, fazendo com que alguns, ao invés de irem atrás de se qualificarem, acabam ficando debaixo desse cobertor! Sem falar que são medidas que se tornam uma coisa sagrada intocável, pois, se algum dia qualquer governante desejar acabar, não ganha nem pra síndico de prédio sem moradores!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • N

      NH4NO3

      ± 17 horas

      Huuuummm senti um cheiro de estrume no ar .......

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

Fim dos comentários.