• 23/12/2019 17:25
Desempregados

Mediação no Ministério Público do Trabalho termina sem acordo sobre professores PSS

  • 23/12/2019 17:25
  • PorRoger Pereira, especial para a Gazeta do Povo
    Mediação no Ministério Público do Trabalho termina sem acordo sobre professores PSS
    | Foto: Foto: Albari Rosa | Arquivo Gazeta do Povo.

    Terminou sem acordo a reunião de mediação no Ministério Público do Trabalho (MPT) entre representantes da Secretaria de Estado da Educação e professores contratos pelo Processo de Seleção Simplificado que foram avisados que não terão seus contratos renovados para 2020. Uma nova reunião foi agendada para sexta-feira, dia 27, para que o Estado apresente uma proposta de renovação ou justificativa e critérios para o encerramento do contrato de cerca de 500 dos 2 mil professores estaduais que trabalham sob esse regime.

    O sindicato do professores da rede estadual (APP-Sindicato) provocou o MPT alegando que a renovação dos contratos do professores PSS era uma cláusula do acordo firmado entre estado e sindicato para o encerramento da greve dos professores, e que, sem justificativa e sem nenhum critério estabelecido, tal acordo estaria sendo violado pelo Estado. A SEED alega que é sua prerrogativa a renovação ou não de contratos, de acordo com a necessidade da rede de ensino.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    Máximo 700 caracteres [0]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.