i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Educação

Colégio Estadual do Paraná pode assumir 3 escolas tradicionais de Curitiba

  • PorRosana Félix
  • 25/10/2019 18:39
Colégio Estadual do Paraná
Fachada do Colégio Estadual do Paraná.| Foto: Marco Charneski/Tribuna do Parana

O sistema educacional em Curitiba passa por um momento de indefinição para 2020, com mudanças nas creches comunitárias (leia mais aqui) e na rede estadual de ensino fundamental e médio.

RECEBA notícias do Paraná pelo WhatsApp

Na rede estadual, três colégios tradicionais de Curitiba correm o risco de fechar, a despeito das manifestações contrárias de cada comunidade escolar. O Tiradentes (1892), localizado no Centro; o Zacarias (1911), no Alto da Glória; e o Amâncio Moro (1958), no Jardim Social, receberam propostas de encerramento, com os alunos sendo incorporados pelo Colégio Estadual do Paraná (CEP). Os profissionais e professores entrariam em um processo de remoção. Em assembleias realizadas nos dias 23, 21 e 18, respectivamente, a proposta foi recusada por pais e professores.

Desde o início de 2019, turmas do CEP estão espalhadas nesses três colégios, por conta de uma reforma no prédio situado na Avenida João Gualberto. Há uma proposta em estudo para que o CEP assuma de vez os espaços hoje ocupados provisoriamente. Após a conclusão das obras da edificação principal – sem prazo para acabar –, os prédios dessas escolas poderiam se transformar em campi do CEP, a maior unidade educacional do Paraná. A ideia, porém, é apenas uma das possibilidades avaliadas pela Secretaria de Estado da Educação e do Esporte (Seed), que ainda não tem detalhes de como isso funcionaria.

Segundo a Seed, os três colégios com risco de fechamento, localizados em área central, apresentam queda na demanda por matrículas e estão com estrutura ociosa. Turmas dos ciclos iniciais do fundamental (6º) e 1º do ensino médio já deixaram de ser abertas em anos anteriores. A secretaria garante que está ouvindo a comunidade escolar antes de decidir pelo encerramento das atividades e que não tomará nenhuma decisão unilateral.

O Sindicato dos Professores (APP Sindicato), por sua vez, diz que a Seed está causando o fechamento das escolas aos poucos, ao proibir matrículas por anos seguidos. “Dizem que não há procura, mas não liberam abertura de turmas. Então, se não tem o 6º ano, no ano que vem não tem o 7º, e assim por diante. Podem dar o nome que quiserem, mas estão fechando escolas sim”, observa Tereza Lemos, secretária de Organização da APP.

Na assembleia no Amâncio Moro, por exemplo, vários pais reclamaram que o sistema de georreferenciamento encaminha alunos para escolas lotadas e perigosas na periferia, e que estão satisfeitos onde estão. “Não faz sentido a incorporação pelo CEP. É muito melhor a equipe pedagógica estar na mesma escola que a turma, e não separar por campi”, critica Tereza. Ela também defende a implantação de turmas menores, para aperfeiçoar o ensino. “Já lecionei em turmas com 47 estudantes. Não conseguia nem escrever no quadro sem esbarrar no primeiro aluno da fila. Agora que poderíamos ter turmas com no máximo 25, 30 alunos, melhorando o atendimento, preferem fechar escolas”, acrescentou.

Segundo a Seed, vários fatores são considerados ao se determinar o fluxo de estudantes nos colégios e turmas, como metragem das salas de aula, oferta de séries no mesmo turno e em instituições da mesma região; aumento e/ou redução da demanda de alunos de cada instituição, decorrentes da redução ou aumento populacional, entre outros.

A secretaria diz que está ouvindo a comunidade escolar para decidir sobre o fechamento, mas que precisa levar em conta esses outros fatores. Diz ainda que a proposta do CEP atende ao preceito de ocupar melhor salas hoje ociosas e que isso ajudará a ampliar o número de vagas, já que há uma fila de espera de aproximadamente mil alunos não atendidos a cada ano.

7 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 7 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • W

    William Munny

    ± 0 minutos

    Escola não se fecha, se abre! Porém, a ratazana, que fez (e faz parte) do círculo itinerante do Beto Barganha, em vez de fechar, deveria procurar melhorar a qualidade estrutural e de ensino dessas escolas, como forma de promover as mesmas (ex: cursos livres e técnicos abertos à população). Já o Estadualzão (bons tempos) é um patrimônio da cidade, então, tem que ser constantemente revitalizado.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • J

      J A Schmidt

      ± 2 horas

      Escolas tradicionais, poderiam fazer o ensino básico ate o sexto ano e depois transferir os alunos do 7 ano em diante para o CEP.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • J

        John Winston Lennon

        ± 3 horas

        Em Estado que tem um RATO de governador fecha escolas ... RATO não no apelido ... RATO mesmo !

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        1 Respostas
        • D

          Decio mango

          ± 1 horas

          Sr idi0ta esquerdopata...o Colegio Estadual do Parana ja foi um exemplo de ensino...depois que assumiram esta esquerda fétida..apos as diretas já virou o lixo que e hoje.

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

      • B

        B.

        ± 9 horas

        E não seria direito dos professores escolherem as escolas para onde ir?

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        • A

          Anderson

          ± 9 horas

          Governo fechando turmas para depois dizer que não existe demanda?

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

          1 Respostas
          • C

            CARLOS FELIX

            ± 9 horas

            Ou salas vazias para dizer que tem alunos da comunidadiiii !

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

        Fim dos comentários.