i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Ameaçam fazer greve

Governo tenta negociar com professores concordância para teste de volta às aulas

  • 08/10/2020 12:39
Aulas presenciais estão suspensas no Paraná desde março
Aulas presenciais estão suspensas no Paraná desde março| Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo/Arquivo

A proposta de retomar as aulas presenciais a partir do dia 19 de outubro em cerca de 40 escolas estaduais do Paraná, anunciada pelas secretarias estaduais da Saúde (Sesa) e da Educação e do Esporte (Seed) na terça-feira (6), contraria a opinião de professores e funcionários da rede de educação. A APP-Sindicato, entidade que representa as categorias, vê com preocupação o chamado projeto-piloto e mantém o indicativo de paralisação para que as atividades in loco não ocorram neste ano letivo.

Receba as principais notícias do Paraná por WhatsApp

Nesta sexta-feira (9), às 17 horas, a entidade tem agendada uma reunião com técnicos da Seed para discutir o assunto. “Consideramos que não estão dadas as condições de segurança necessárias para que a gente evite contaminações pelo novo coronavírus”, afirma o presidente da APP-Sindicato, Hermes Leão. Inicialmente, a reunião aconteceria na tarde desta quinta-feira (8), mas a pasta adiou o encontro.

“Há quem diga que a greve é porque não queremos trabalhar, mas é importante saber que os professores têm estado muito mais cansados e se dedicado muito mais às atividades do que no tempo dito normal”, diz. “A greve é em defesa da vida e da saúde de docentes, funcionários, alunos e familiares.”

Desde o início da pandemia, professores da rede estadual têm dado aulas por meio de plataformas como o YouTube, o Google Classroom, o aplicativo Aula Paraná e em transmissões feitas pela televisão. Além disso, aos alunos não têm acesso aos meios digitais, são entregues materiais impressos com conteúdo e atividades do currículo escolar.

Na reunião de sexta-feira, a Seed buscará demonstrar ao sindicato que o projeto-piloto se dará dentro de um rígido protocolo de segurança, com poucos alunos, em dias alternados da semana, medição de temperatura, uso de máscara e distanciamento. Além disso, a secretaria tem o "trunfo" de que só participarão da fase de testes as escolas em que os diretores manifestaram o desejo de retorno.

Leão ressalta que diversas pesquisas têm apontado que entre 75% e 80% da comunidade escolar são contrários à volta dos encontros presenciais ainda em 2020. Uma enquete feita pela Gazeta do Povo na última semana apontou que 79%, ou 8.415 de 10.691 participantes, são favoráveis ao retorno às aulas nas escolas apenas em 2021.

A Seed afirma, em nota, que o que se estuda é um retorno de atividades presenciais em “apenas 2% da rede, com consulta da comunidade escolar, unicamente em localidades seguras, indicadas pela Secretaria da Saúde, mantendo-se 98% da rede exclusivamente com aulas não presenciais”.

Segundo a pasta, ainda não está definido em quais cidades as aulas presenciais poderão ser retomadas a partir do dia 19. A secretaria informa que aguarda um direcionamento da Sesa para eleger as escolas em que há segurança sanitária para a adoção do projeto-piloto.

A secretaria de Saúde, por sua vez, afirma que “o assunto ainda está sendo debatido internamente com as equipes da Sesa e Seed”. Em audiência na Assembleia Legislativa do Paraná na terça-feira (6), o secretário de Saúde, Beto Preto, disse que o projeto deve ser adotado em regiões com menores índices de novos casos e de óbitos por Covid-19.

Já sobre as medidas sanitárias que serão adotadas nas escolas em que houver aulas presenciais, a Seed informa que a salas de aula receberão alunos em número de, no máximo, 50% da capacidade, garantindo distanciamento mínimo de 1,5 metro entre as carteiras. Haverá ainda rodízio de séries e de turmas e medição de temperatura corporal dos estudantes na entrada, além de protocolos de higienização.

15 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 15 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • E

    Eliana Prodossimo

    ± 0 minutos

    Fico horrorizada com o joguinho que o governo faz. Joga os professores contra a população, como se tudo que estivesse acontecendo fosse única e exclusivamente culpa dos profissionais. Poucos sabem o qto eles tem trabalhado para tentar deixar as plataformas que sejam de fácil acesso para os alunos. Preparam, explicam imprimim, entregam (qdo não é possível passar pela internet), corrigem e, ainda tem quem ache que professor só recebe. Estes são aqueles que não tem filhos ou, preferem se passar por ignorantes. Depois dizer que cçs ou adolescentes vivem passeando, são os pais que levam.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Meg Litton

    ± 9 horas

    Que tal voltar às aulas e, para quem não comparecer, cortar os salários?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • M

      Meg Litton

      ± 5 horas

      SIDNEI MAURICIO: com certeza mandarei! Acha que só a escola "contamina"??? Cai na real!!!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • S

      SIDNEI MAURICIO

      ± 7 horas

      Que tal contribuir para a proliferação do vírus e depois gastar horrores para evitar mortes. Sr ou sra. Meg, você mandará seu filho(a) para o colégio???

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Mara Rosangela Polidorio

    ± 15 horas

    Tem voltar 100% sim e não apenas 2%. Vocês acham que alunos e professores estão em casa haha, está todo mundo se movimentando. Esses sindicatos de ***** só atrapalham o governador mostra quem manda.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • S

      SIDNEI MAURICIO

      ± 7 horas

      "Que tal contribuir para a proliferação do vírus e depois gastar horrores para evitar mortes. Sra. Mara, você mandará seu filho(a) para o colégio???"

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • T

    TCG

    ± 24 horas

    Que papo estupido, quase tudo voltou ao normal, os serviços o comércio abertos com as cidades cheias e o contágio diminuindo, e vem sindicato ou professor falar em não voltar ? Professor de verdade não faria isso.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Adriano

    ± 2 dias

    Libera a volta das escolas particulares e vão ver como vai dar certo.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • F

    F.Neto

    ± 2 dias

    É preciso ver o que foi feito nos países, estados e municípios onde já retornaram. Aprender com a experiência dos outros. E começar a testar aqui. O que não pode é o Brasil ser o único país do mundo sem escolas.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    André

    ± 2 dias

    Está todo mundo errado... sindicato, professores, governo.... concordo com a parte que diz que estamos cansados com o trabalho em casa. Porém, quem estamos? Conheço professor que não fez m* nenhuma esse tempo todo. Para quem fez, realmente está puxado... porém, se houver o retorno nesses moldes, quem garantir esse 1,5m de distanciamento? Alguém vai pregar as carteiras no chão? Dias alternados é uma piada de mal gosto. Não concordo em nada com esse sindicato, mas o governo está se esforçando pra jogar o que fizerem de bom até agora no lixo.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • R

    Ricardo Drummond de Macedo

    ± 2 dias

    Ratinho Jr quer nos fazer de cúmplices em sua ''experiência''. Como vamos concordar em pôr crianças em risco? Como vamos concordar em pôr os Profissionais em risco? Como vamos concordar em pôr a Comunidade em risco? Se ele o quer, que o faça por sua própria conta e risco.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • M

      Meg Litton

      ± 9 horas

      Professor de história, filosofia e ensino religioso: só podia ser... Funcionaleco recebendo para fazer nada, affffffff!!!

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • F

    FRANCISCO SCARPARI NETO

    ± 2 dias

    Bando de ********** e chantagistas! Que sejam descontados dos salários. Voltam logo. Irresponsáveis com uma geração que não tem culpa de nada. Como diz o Olavo de Carvalho, deveriam acabar com o MEC e também as secretarias estaduais!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    CARLOS FELIX

    ± 2 dias

    ESTÃO NA MESMA BALADA DOS PERITOS DO INSS. BANDO DE IRRESPONSÁVEIS. FREQUENTAM PARQUES, SHOPPINGS, PRAIAS, CAMINHADAS, FESTAS FAMILIARES, SUPERMERCADOS, RESTAURANTES, CONTRATAM REFORMAS DE SUAS CASAS, ABASTECEM SEUS CARROS NOS POSTOS. ENFIM, VIDA "NOVO NORMAL", PARA A SABOTAGEM . IRRESPONSÁVEIS, COM REMUNERAÇÕES GARANTIDAS. TUDO FUNCIONANDO. SOMENTE O ENSINO, GARANTINDO A "NOVA GREVE" .

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    Celito Medeiros

    ± 2 dias

    Negociar entre tantas opiniões divergentes ou apenas ganhar tempo? Que siga as instruções do Ministério da Educação.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]