Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Núcleos de educação: maioria dos chefes “provisórios” ficou no cargo após processo seletivo
| Foto: Marcelo Andrade/Gazeta do Povo

A maioria dos 32 chefes de núcleos de educação que foram nomeados de forma provisória pelo governo do Paraná no início do ano acabou permanecendo na cadeira mesmo ao final do processo seletivo organizado pela Secretaria da Educação para preencher as vagas. Dos 32 postos de comando, 18 (veja abaixo) ficaram com as mesmas pessoas.

RECEBA notícias do Paraná pelo WhatsApp

As nomeações provisórias foram levantadas pela Gazeta do Povo com base nos diários oficiais publicados ao longo do mês de janeiro. Já a relação final dos escolhidos via processo seletivo - a última nomeação foi definida só recentemente, no início deste mês - foi enviada à reportagem pela Secretaria da Educação.

Para a definição dos nomes provisórios, o líder da base na Assembleia Legislativa, deputado estadual Hussein Bakri (PSD), admitiu em entrevista à Gazeta do Povo, no início do ano, que a indicação política, feita por deputados estaduais, estava entre os critérios de escolha - repetindo uma prática histórica, que o processo seletivo propagandeado pela gestão Ratinho Junior prometia romper.

“Teve indicação de deputado estadual sim, mas teve de tudo. Também teve escolhas diretas do governador. Tem locais em que os próprios professores ligados ao núcleo pediram para alguém assumir”, disse Bakri, na ocasião. Ele próprio foi quem indicou o nome de Carlos Alberto Polsin para provisoriamente assumir a chefia do Núcleo Regional de Educação no município de União da Vitória. Polsin figura entre os 18 que conquistaram a vaga, de forma permanente, a partir do processo seletivo.

Em janeiro, ao anunciar a novidade – é a primeira vez que um processo de seleção é aberto para preenchimento das vagas -, o governador Carlos Massa Ratinho Junior afirmou que a ideia era “despolitizar a educação”: “Nós estamos rompendo com esse modelo de indicação do passado por um teste seletivo muito criterioso”.

Procurada pela Gazeta do Povo nesta segunda-feira (15) para comentar a coincidência de nomes, a Secretaria da Educação encaminhou uma nota na qual reforça que “o processo de credenciamento para escolha dos chefes de núcleo regionais de educação foi aberto para todos os candidatos interessados, inclusive para quem já ocupava o cargo interinamente”.

“Todos os chefes nomeados após o processo de credenciamento passaram pelo processo, sob os mesmos critérios de teste de raciocínio, vídeo, entrevista e banca”, continua a pasta.

Cerca de 1,7 mil pessoas se inscreveram na seleção, de acordo com a Secretaria da Educação.

Representante dos trabalhadores da área de educação, a APP-Sindicato afirmou à Gazeta do Povo, também em nota, que entende que a nomeação dos chefes de núcleos de educação é “uma prerrogativa do governo”, mas considera que "as mudanças implementadas pelo atual governo sobre essa escolha foram pouco transparentes desde os critérios, custos e da escolha propriamente dita".

“Também temos avaliado que a prioridade em realizar provas como definidor central do atual governo seja para diagnósticos ou classificação não é a melhor metodologia de seleção”, continua a nota da APP.

Veja quem são os atuais chefes de núcleos regionais da educação no Paraná, nomeados a partir de um processo de credenciamento:

  1. Apucarana - CRISTIANE CRIS ROSETTI (*)
  2. Área Metropolitana Norte - DEBORA ZANCHETTIN DE SOUZA
  3. Área Metropolitana Sul - CHAYANE CALLEGALIM ROCHA (*)
  4. Assis Chateaubriand - MARINEIDE AZEVEDO DIOTO (*)
  5. Campo Mourão - IVETE SAKUNO (*)
  6. Cascavel - LUCIANA PAULISTA DA SILVA
  7. Cianorte - EMERSON TOLENTINO
  8. Cornélio Procópio - ANA PAULA TAVELLA MACHADO DOS SANTOS (*)
  9. Curitiba - MARY LANE HUTNER
  10. Dois Vizinhos - NILSON JOSE SILVESTRO (*)
  11. Foz do Iguaçu - SILVANA GARCIA ANDRÉ
  12. Francisco Beltrão - MARIA DE LOURDES BERTANI (*)
  13. Goioerê - VALDEMIR MELLERO
  14. Guarapuava - EDIL APARECIDA ESPINOLA AMARAL (*)
  15. Ibaiti - LEILA CÂNDIDO DE BONFIM
  16. Irati - MARCELO KOMAR
  17. Ivaiporã - VALBER CLARIMUNDO
  18. Jacarezinho - ANA MARIA MOLINI (*)
  19. Laranjeiras do Sul - LIDIO DOS SANTOS (*)
  20. Loanda - REGINA BROIETTI (*)
  21. Londrina - JÉSSICA PIERI
  22. Maringá - LUCIANO PEREIRA DOS SANTOS (*)
  23. Paranaguá - CLARICE UBESSI
  24. Paranavaí - EMERSON PEREIRA BRANCO
  25. Pato Branco - MARCELO OLTRAMARI (*)
  26. Pitanga - ANGELA MARIA DANILO BRANDALISE (*)
  27. Ponta Grossa - LUCIANA AQUILES SLEUTJES
  28. Telêmaco Borba - SUELI MARTINS (*)
  29. Toledo - JOSE GUIMARÃES (*)
  30. Umuarama - GILMARA ANA ZANATA (*)
  31. União da Vitória - CARLOS ALBERTO POLSIN (*)
  32. Wenceslau Braz - JOAQUIM GABRIEL FAUSTINONI

* Chefes de núcleos que já estavam no cargo como provisórios antes do processo seletivo

2 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]