i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Após 24 anos

Pronta para vender? Ferroeste dá lucro pela primeira vez na história

  • PorRoger Pereira, especial para a Gazeta do Povo
  • 14/01/2020 10:11
Maquinista opera composição da Ferroeste em Guarapuava. em abril de 2019
Maquinista opera composição da Ferroeste em Guarapuava. em abril de 2019| Foto: Jaelson Lucas / ANPr

Pela primeira vez em sua história, a Ferroeste registrará lucro operacional ao final de um ano. O balanço com os números da companhia em 2019 deve ser divulgado nesta semana, e a projeção é de que a empresa confirme um superávit de R$ 500 mil. Desde o início da operação da ferrovia, em 1996, é a primeira vez que a ferrovia não fecha um ano com prejuízo.

O resultado positivo da Ferroeste foi obtido graças ao crescimento em 50% do faturamento bruto da companhia. De R$ 20 milhões faturados em 2018, a arrecadação da empresa superou os R$ 30 milhões neste ano. A ferrovia também conseguiu um significativo incremento no volume transportado, saltando de 700 mil toneladas em 2018 para 1,1 milhão de toneladas.

“São vários fatores que levaram a esse resultado positivo. Assumimos com a missão de resgatar o trabalho da empresa, tornar ela saudável para, depois, resolver o gargalo logístico, com trabalho de longo prazo. Visitamos todos os clientes para entender sua demanda. Aprovamos um acordo trabalhista. Implementamos ferramentas de controle, tudo isso foi dando resultado, além do cenário bom no mercado estadual, com uma boa safra“, comentou o diretor-presidente da Ferroeste, André Luiz Gonçalves.

Gonçalves comenta que o resultado positivo do ano é importante para atrair investidores interessados na companhia, uma das estatais que o governo Carlos Massa Ratinho Junior pretende privatizar. “Claramente, posso falar que este resultado torna a Ferroeste mais atrativa para a iniciativa privada. Apesar do saldo positivo, o limite é esse e investimento maior só com parceria ou concessão. Claro que dá para melhorar, com algumas parcerias. Nossa ferrovia tem capacidade para 5 milhões de toneladas ano. Mas a estrutura que a Ferroeste tem hoje de pessoas, equipamentos e recursos, não permite fazer mais do que fizemos”, disse.

Necessidade de investimentos

O presidente frisou que o plano do governo de ter na ferrovia uma importante solução de logística para o estado passa por sua expansão, que só será possível com investimento privado. “O investimento que a gente precisa para resolver o gargalo logístico é muito grande. A gente transportou 1 milhão de toneladas, mas chegam no porto, 20 milhões, ou seja, a participação da ferrovia ainda é muito pequena. O governo do estado e o governo federal não têm , hoje, recursos para ampliar isso. A gente precisa pensar em projetos de longo prazo com investidores para fazer desta ferrovia uma ação transformadora de crescimento econômico e social”.

Gonçalves conta que, paralelamente, a diretoria da Ferroeste já trabalha no plano de ampliação, mediante aporte de recursos privados. “Quando assumimos a companhia, separamos em dois momentos. Um é cuidar da gestão do dia a dia da companhia, a outra é pensar para frente, como solução para o gargalo logístico. Quando gente vai fazer visão de futuro, projeto Nova Ferroeste. Estamos trabalhando na primeira etapa, iniciamos o Evetea (Estudos de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental), em março, a empresa vencedora começa trabalhar. Depois tem o estudo de impacto ambiental e a definição da modelagem”, disse, citando ainda não haver uma definição de que modelo será adotado pelo governo para viabilizar a ampliação da ferrovia: “pode ser concessão, PPP (parceria público-privada), joint venture, venda de ações...”

Conteúdo editado por:Marcos Tosi
5 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 5 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • S

    Sr. Walker

    ± 7 dias

    Quantos quilômetros de trilhos tem essa porcaria? Deve ter a mesma bitola dos trens do tempo do império. Já vai tarde. Essa não foi uma criação do endemoniado do R Requião?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • J

      JULIANO MACHADO OLIVETTE

      ± 5 dias

      É bitola métrica, mas tem um motivo. Todo o Sul do país opera nessa medida, então não faria o menor sentido na época da construção optar pela Bitola de 1,6 m, mais moderna, mas deixando a ferrovia incompatível com o restante da malha. Isso não é um apoio a Requião, que tenho discordâncias gigantescas...só uma constatação do motivo da escolha da Bitola de 1,0 M.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • ██

    ± 7 dias

    Desde 1996...dando prejuízo.,,,brasil vai cada vez mais pra frente.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    Jorge Dias

    ± 7 dias

    Garantam mais segurança jurídica aos investidores (mudar o STF), e certamente dinheiro - inclusive internacional - não vai faltar para ampliar a operação. Isso que escrevi é óbvio.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • G

    GRU

    ± 7 dias

    Parabéns Governador.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

Fim dos comentários.