i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Investimento de R$ 50 milhões

Revitalização do Eixo Monumental: Maringá reforça status de cidade planejada

  • Por Iara Maggioni
  • 10/01/2020 10:17
Revitalização do Eixo Monumental: Maringá  reforça status de cidade planejada
| Foto: Divulgação / Natureza Urbana

“Esse processo vai resgatar realmente o desenvolvimento da cidade. Vai destacar um dos nossos maiores patrimônios: a questão de Maringá ser uma cidade planejada”. É assim que a arquiteta e urbanista Fernanda Marostica, diretora de Planos e Projetos Territoriais do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Maringá (Ipplam) cita a importância da revitalização do Eixo Monumental da cidade, na região Noroeste do Paraná.

O projeto de reestruturação deve ser entregue até fevereiro deste ano. O planejamento está em fase de finalização, com aprovação de obras junto a órgãos externos à prefeitura, como a Companhia de Energia Elétrica (Copel). Serão 169.020,93 m² revitalizados, numa extensão de quase 1,8 km, desde a Catedral da cidade até a Vila Olímpica. Os recursos financeiros disponíveis para execução das obras são de, no máximo, R$ 50.000.000 (cinquenta milhões de reais), segundo edital publicado.

Para a diretora do Ipplam a grande riqueza da reestruturação está na possibilidade de transformar o “coração” de Maringá em um espaço de convivência e de qualidade de vida. “O intuito maior é trazer as pessoas para o centro. A ideia é resgatar essa cultura e fazer com que as pessoas circulem mais pela cidade”, pontua.

O projeto está dividido em sete trechos: Praça da Catedral (entre a Avenida Papa João XXIII e a Avenida Tiradentes), Praça Deputado Renato Celidônio (entre Avenida Tiradentes, Avenida Duque de Caxias, Avenida XV de Novembro e Avenida Herval), Avenida Getúlio Vargas (entre Avenida XV de Novembro e Avenida Brasil), Praça Raposo Tavares e Quadra da Antiga Rodoviária (entre Avenida Brasil e Avenida Tamandaré), Novo Centro (entre Avenida Advogado Horácio Raccanello Filho e Avenida João Paulino Vieira Filho), Travessa Jorge Amado (entre Avenida João Paulino Vieira Filho e Avenida Prudente de Morais) e Vila Olímpica (entre Avenida Prudente de Moraes, Avenida Duque de Caxias, Avenida Colombo e Avenida Herval).

Intervenção urbana começará no entorno da catedral de Maringá, um dos ícones da cidade paranaense
Intervenção urbana começará no entorno da catedral de Maringá, um dos ícones da cidade paranaense| Divulgação / Natureza Urbana

A área total do Eixo Monumental também considera as vias que são perpendiculares: Avenida Tiradentes, Avenida XV de Novembro, Avenida Brasil, Avenida João Paulino Vieira Filho e Avenida Prudente de Morais.

O primeiro trecho a ser revitalizado fica entre a Praça Raposo Tavares (região da antiga rodoviária) e o Novo Centro (onde está o obelisco). Segundo a diretora do Ipplam, as obras devem ter início nesses pontos devido ao novo Terminal Urbano, que deve ser inaugurado no início de 2020. A estimativa da prefeitura é de que, por dia, 30 mil pessoas circulem na região do terminal.

No final de 2018, o escritório de Arquitetura e Urbanismo Natureza Urbana Planejamento Integrado, de São Paulo, venceu o concurso promovido pela prefeitura de Maringá para escolha dos responsáveis por elaborar o projeto de revitalização do Eixo Monumental. A empresa vai receber o valor de R$ 1,15 milhão.

Uma das preocupações elencadas pela prefeitura é de que o Eixo Monumental promova um espaço seguro para pedestres, ciclistas e também para as crianças. Por esse motivo, o piso será em nível, com objetivo de garantir acessibilidade a todas as pessoas. Também haverá o alargamento de calçada em diferentes pontos, para que veículos que transitem pelas vias reduzam a velocidade e a convivência seja mais tranquila.

O projeto atual prevê ciclovias integradas, jardins, anfiteatro a céu aberto, arquibancadas, quiosques, quadras poliesportivas, mesa de ping pong, pista de skate, parque infantil, cachorródromos (espaços dedicados a animais de estimação). Tudo para atrair o maringaense para o espaço. Segundo a arquiteta Manoela Machado, sócia fundadora da Natureza Urbana, as transformações urbanísticas vão dar vida ao centro da cidade. “Os carros vão continuar passando pelo local, mas não serão mais protagonistas, serão as pessoas”, esclarece.

A arquiteta acrescenta que Maringá sai na frente de outras cidades do país e do mundo ao propor a revitalização do Eixo Monumental. “Poucas cidades do Brasil, ainda mais que não são capitais, estão tão preparadas, com princípios que já se usam em outros países. Acho que essa iniciativa condiz muito com o que já é Maringá, uma cidade planejada”, completa.

Conteúdo editado por:Marcos Tosi
2 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 2 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • Í

    Ítalo

    ± 3 horas

    Linda cidade!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    Carlos Indio do Brasil de Paula Neves.

    ± 6 horas

    Deviam melhorar o contorno da cidade, está horrível transitar por lá. Uma vergonha.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]