i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Pandemia

Paraná quer ser o estado que mais testa Covid-19 no Brasil

  • 19/05/2020 21:14
Paraná quer ser o estado que mais testa Covid-19 no Brasil
| Foto: Pixabay

O Paraná quer incluir a testagem em massa da população entre suas estratégias de enfrentamento da pandemia de Covid-19. Isso significa mudar o cenário atual. Com 21,9 mil testes, o estado fez menos testes do que outras unidades da federação, como Santa Catarina, que passou dos 30 mil testes realizados, ou Bahia, dos 40 mil. Apesar de sair atrás, o Paraná agora aposta na utilização dos testes rápidos e na ampliação da capacidade de processamento e de distribuição dos testes convencionais, para medir a presença e a disseminação do coronavírus em seus municípios e aprimorar suas políticas de enfrentamento.

RECEBA as notícias do Paraná no whatsapp

O estado diz ter, hoje, capacidade para processar 11,2 mil exames de Covid-19 por semana, em 17 laboratórios credenciados no estado. Além disso, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) já distribuiu aos municípios 178 mil testes rápidos. Mas, até hoje, com dois meses da chegada da pandemia no estado, foram realizados menos de 22 mil testes, o que o estado processaria em duas semanas pela atual capacidade. Uma nova nota técnica do Centro de Operações de Emergências para Covid-19 será publicana nesta quarta-feira (20), permitindo a aplicação dos testes não mais apenas a pacientes internados, ampliando a abrangência do exame.

O secretário estadual de saúde, Beto Preto antecipou à Gazeta do Povo que a nota recomendará o teste para pessoas sintomáticas, prioritariamente que se enquadrem nos seguintes grupos: hospitalizados, profissionais de saúde, profissionais de segurança pública, pessoas que residam com profissionais de saúde e segurança, idosos residentes em instituições de longa permanência, trabalhadores destas instituições, pacientes no grupo de risco, idosos e com comorbidades, residentes em locais com alta incidência do vírus, trabalhadores dos serviços essenciais. “Queremos testar todo mundo que estiver com gripe”, afirmou, citando que o estado quer quadruplicar o número de testes realizados nas próximas duas semanas.

“Estamos passando por uma mudança de estratégia, estamos mudando as indicações das coletas de exames, tínhamos poucos exames, tínhamos a obrigatoriedade de fazer em quem estava com sintomas e indo para a internação. Agora, com uma parceria com o Instituto Biologia Molecular do Paraná, que é o braço da Fiocruz dentro do Paraná e atua dentro do Tecpar, temos mais um superlaboratório dos mesmos moldes do Lacen, com capacidade ainda maior. O Lacen, processa hoje, 600 exames. Agora, vamos dobrar isso na semana que vem e, na segunda semana, chegaremos a entre 2,5 mil e 3 mil exames por dia.

"Isso só no exame RT-PCR, que é o padrão ouro, que localiza fragmento do RNA do vírus", disse o secretário. “Ao mesmo tempo, estamos ampliando as possibilidade de utilização dos testes rápidos que foram aos municípios, que, antes eram só para profissionais de saúde e de segurança, para serem usados, também para o bloqueio de pessoas consideradas positivas. Assim, vamos ter um mapeamento mais claro da mobilização do vírus”, acrescentou. “Essa testagem vai servir para que façamos um rastreio melhor, localizar e bloquear os casos positivos. Vai aumentar o número de positivos, mas, fatalmente vai nos ajudar a controlar a circulação do vírus”, concluiu.

Confira a evolução dos casos de coronavírus no Paraná.

Maringá aproveita testes rápidos para estudar presença do vírus nos bairros

Aproveitando os testes rápidos recebidos da Secretaria de Saúde, a prefeitura de Maringá, em parceria com três universidades da cidade (Universidade Estadual de Maringá – UEM – Unicesumar e Uningá) inicia, nesta quarta-feira (20), uma pesquisa de campo com testagem por amostragem nos bairros da cidade, para tentar identificar em quais localidades há maior circulação do coronavírus.

Quinze equipes das universidades visitarão cerca de 200 residências por dia, nos próximos dias, para aplicar um total de 800 testes rápidos, identificando em quais bairros há maior incidência do vírus, para definir políticas de enfrentamento.

Uma equipe de geógrafos e estatísticos das universidades fez roteiro com número de residências por regiões da cidade onde os testes serão aplicados. De cada casa, um morador será escolhido para avaliação. Em caso positivo (o resultado sai em 20 minutos), todos da família serão testados, a partir da coleta de 10 microlitros de sangue obtido de picada na ponta do dedo. Se necessário, local será isolado e a família colocada em isolamento, controlado pela Secretaria de Saúde. A partir dos primeiros resultados desta pesquisa, o município avaliará a possibilidade de ampliar o estudo nas próximas semanas.

Ponta Grossa usa testes em paciente monitorados

A Fundação Municipal de Saúde de Ponta Grossa vem utilizando os testes rápidos há uma semana, aplicando-os em pessoas que estão em monitoramento, por já terem apresentado sintomas da doença ou por terem contato com profissionais de saúde ou de segurança sintomáticos. Após sete dias de monitoramento e se estiver há 72 horas sem sintomas, o paciente é chamado a uma unidade de saúde para realizar o teste. “É importante ressaltar que os exames não serão realizados por livre demanda, ou seja, não basta somente chegar no estabelecimento de saúde e solicitar o teste. O paciente precisa estar em monitoramento e ter apresentado sintomas nos últimos sete dias. Essas são nossas prioridades no momento, poder testar de maneira eficaz a população para podermos ter cada vez mais um cenário favorável e controlado na cidade ”, ressalta o secretário adjunto de Saúde, Rodrigo Manjabosco. O município recebeu 1.580 testes. A estimativa da FMS é de que ao longo da semana cheguem mais 5 mil para a realização da testagem nas pessoas que possuírem sintomas da Covid-19.

Sem nenhum óbito e nenhuma pessoa internada em UTI no momento, Ponta Grossa tem 43 casos confirmados de Covid-19, dos quais 11 diagnosticados pelos 63 testes rápidos aplicados até esta terça-feira.

Em Cascavel, a prefeitura já vem aplicando os testes, conforme protocolo do Ministério da Saúde, em pacientes sintomáticos da área da saúde, das forças de segurança e de contatos domiciliares de pacientes positivos. O município recebeu 1.500 testes rápidos e havia aplicado, até esta terça-feira, 70 exames, dos quais 15 apontaram resultado positivo. Dos 587 testes convencionais (PCR) utilizados, 137 tiveram resultado positivo.

9 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 9 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • P

    Paula A S

    ± 0 minutos

    Tem que trocar esse secretáriozinho!! Essa figura é muita fraca, a dengue está bombando no interior do Paraná!! E os testes que nunca chegam?? Uma novela mexicana, nunca acaba!!!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    Neto

    ± 24 horas

    Beto Preto, distribua os testes para as grandes empresas. É uma forma eficaz de mantê-las trabalhando e reduzir o risco de contágio entre colegas e destes para os familiares em casa.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • N

      Neto

      ± 24 horas

      Para todas as empresas que mantiveram suas atividades.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • N

    Neto

    ± 24 horas

    O Brasil é mesmo o país do futuro. Os verbos sempre estão no futuro.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    Sr. Walker

    ± 1 dias

    Meio atrasadinho o governadorzinho. E de que vai adiantar. Os números todos serão mascarados. Aqui nunca que haverá pandemia nenhuma nem endemia nem doença contagiosa. Aqui é Europa. Ops, ato falho. Kkkkk

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    peace!

    ± 1 dias

    sim vai começar quando a pademia acabar... NOTA ZERO!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • Z

    Z.

    ± 1 dias

    Sempre na semana que vem, daqui 15 dias...e o tempo vai passando. Baianos, com a fama de serem devagar já tem o dobro de testes realizados.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • F

    FRANCES

    ± 1 dias

    A realidade é que o governo quer justificar atrasos e um plano de ação que cada dia recebe um remendo para combater a pandemia; Independente de números de testes dias, esse vai ser o argumento usado para justificar os resultados que será ainda positivo se tratando de nível Brasil. Com certeza os números serão distorcidos, pois como justificar resultados em cidades pequenas que nem hospital tem, são atendidos por unidade básica. Quero ver contabilizar números de cidades pequenas como exemplo, Floresta, Iguaraçu, Angulo, Munhoz de melo, Atalaia, Flórida, Sta Inês, municípios na região de Maringá; Agora três universidades irão trabalhar em bairros de Maringá para mapear a doença é piada né...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    A.G.Jr.

    ± 1 dias

    a algo de estranho nos números .. o secretário de saúde anuncia um salto de 600 para 2.300 dia... o governador alardeava que a partir de ontem terça-feira.. o salto seria de 600 para 6.000.... então.. quem diz a verdade??

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]