182908

Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Política
  3. Paraná
  4. Instituto busca doações para financiar inovação em saúde no Paraná

pesquisa

Instituto busca doações para financiar inovação em saúde no Paraná

Vinculado à Fiocruz e ao Tecpar, o Instituto de Biologia Molecular do Paraná criou um fundo patrimonial para investir em pesquisas. Pessoas físicas e empresas podem doar

  • Giulia Fontes
O IBMP já fornece kits para diagnóstico de doenças como Hepatite e HIV nos bancos de sangue. | Peter Ilicciev/Fiocruz
O IBMP já fornece kits para diagnóstico de doenças como Hepatite e HIV nos bancos de sangue. Peter Ilicciev/Fiocruz
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

O Instituto de Biologia Molecular do Paraná (IBMP), associação sem fins lucrativos ligada à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e ao governo estadual, lançou um fundo patrimonial para financiar pesquisas em inovação na área da saúde. O fundo, primeiro do tipo no setor no Brasil, receberá doações de pessoas físicas e jurídicas, em qualquer valor. O IBMP divulgou o regulamento para o fundo, também chamado de endowment, em seu site .

RECEBA diariamente pelo WhatsApp as principais notícias do Paraná

Diretor-presidente do instituto, Pedro Barbosa explica que a principal característica desse tipo de fundo é a preservação dos recursos originalmente doados. “O dinheiro do endowment não se confunde com o do IBMP. O que é utilizado para os investimentos é o rendimento do valor que está depositado no fundo”, diz. Portanto, ao longo do tempo, o que é acumulado por meio do fundo se transforma em patrimônio para o instituto.

LEIA MAIS: Coordenador do estudo da Dom Cabral ganha comando do Tecpar

A partir da arrecadação, os rendimentos serão aplicados em pesquisas já desenvolvidas pelo IBMP, relacionadas ao diagnóstico in-vitro e também ao desenvolvimento de produtos terapêuticos. “Vemos no fundo uma alternativa para financiar as nossas pesquisas, já que os recursos destinados à área no Brasil estão cada vez mais escassos”, explica Barbosa.

O que faz o IBMP?

Apesar de ser vinculado ao IBMP, por meio do Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar), o governo estadual não terá ingerência direta sobre os recursos arrecadados. “ A participação do governo está no conselho de administração do instituto”, diz o diretor-presidente. São cinco assentos, sendo três de representantes da Fiocruz e dois do governo estadual.

Os produtos desenvolvidos no IBMP são adquiridos pela Fiocruz, por meio do Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos/Fiocruz). Entre eles estão os kits diagnóstico para Hepatite B e C e HIV, utilizados para controle do sangue nos hemocentros de todo o país.

Recentemente, o instituto desenvolveu outro kit, para diagnóstico de febre amarela. Também estão no foco das pesquisas do IBMP as terapias para doenças autoimunes.

LEIA TAMBÉM: Propostas de traçado alternativo para Faixa de Infraestrutura estão em estudo

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O jornalismo da Gazeta depende do seu apoio.    

Por apenas R$ 0,99 no 1º mês você tem
  • Acesso ilimitado
  • Notificações das principais notícias
  • Newsletter com os fatos e análises
  • O melhor time de colunistas do Brasil
  • Vídeos, infográficos e podcasts.
Já é assinante? Clique aqui.
>