Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
 | Nelson Almeida/AFP
| Foto: Nelson Almeida/AFP

No seu retorno ao Congresso Nacional nesta quarta-feira, o deputado e ex-presidenciável Cabo Daciolo (Patriota-RJ) se envolveu numa discussão com o também parlamentar Marco Feliciano (Podemos-SP). O deputado paulista foi tomar satisfações com Daciolo por ter dito durante a campanha eleitoral que Feliciano era um maçon. O clima ficou quente. A Gazeta do Povo flagrou a discussão entre os dois, do início ao fim, que ocorreu dentro do plenário.

O bate-boca durou pouco mais de três minutos. Feliciano foi em direção a Daciolo e se deu a troca de acusações. Feliciano chamou Daciolo de maluco, neurótico e desequilibrado. Daciolo associou Feliciano a imagem da ‘pomba gira’, uma entidade espiritual da umbanda.

LEIA MAIS: Veja quantos votos cada candidato recebeu na sua seção eleitoral

Abaixo, a íntegra da discussão entre os dois:

“Daciolo, de onde você tirou essa história que eu sou maçon?. Você não pode ser mentiroso. Homem é homem. Tem que honrar a calça que veste. A cueca que veste”, disse Feliciano a Daciolo, que rebatia a todo momento o colega, num tom mais baixo. “Tem envolvimento”.

Feliciano voltou ao ataque: “Fazer videozinho, internet. É muito fácil. Se você quer um pastor, tem aqui agora um”.

Nesse momento, o deputado do Podemos coloca as mãos no rosto de Daciolo, que manda ele tirar. “Daciolo, seja homem. Você vai responder isso no Conselho de Ética”. “Aguarde o tempo e verás”, disse o ex-presidenciável.

“Deus disse que ele seria presidente da República e que eu sou maçon”.

Daciolo associou Feliciano a pomba gira, uma entidade espiritual da umbanda. “Tem pomba gira aqui. Tem pomba gira. Vamos aguardar do alto que Deus vai mostrar para o povo. Você veio até aqui para fazer show”.

“Vim pedir provas para você (de que é maçon)”, respondeu Feliciano, que continuou. “E se eu fosse maçon. Qual o demérito em ser maçon? Qual o problema de ser maçon?”

Daciolo o chamou de falso profeta. “Tem um monte de falso profeta enganando o povo”. Já deixando a discussão, Feliciano fez o último ataque.

“Sou demônio?! Se é demônio, expulsa! Você é um neófito, maluco, neurótico, desequilibrado”, disse. Daciolo só respondia: “Vai orar!”.

Veja o vídeo:

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]