Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
 | Alexandre Mazzo/Gazeta do Povo
| Foto: Alexandre Mazzo/Gazeta do Povo

O alcance do foro privilegiado para autoridades que está em debate nesta quinta-feira (23) no Supremo Tribunal Federal (STF) não se limitou aos ministros da Corte e muito menos a parlamentares que aprovaram o assunto na Comissão de Comissão e Justiça da Câmara dos Deputados no dia anterior. Vários artistas se manifestaram nas redes sociais com a hastag #ForaForo, a exemplo de Regina Duarte, Paulinho da Viola, Arnaldo Antunes, Ivete Sangalo, Mateus Solano e Marisa Monte.

“Como vocês sabem, o foro privilegiado é responsável pela perpetuação desse ciclo de impunidade que a gente vive na nossa democracia. E o fim dele é a nossa única esperança de depurar o sistema político”, disse Marisa Monte, em um vídeo postado nas redes sociais.

A análise do caso na Supremo foi suspensa em junho com pedido de vista do ministro Alexandre de Moraes. Na ocasião, o relator, ministro Luís Roberto Barroso, defendeu uma interpretação restritiva da Constituição para deixar na Corte apenas investigações de crimes cometidos no exercício do cargo e que digam respeito ao desempenho da função.

Já se manifestaram a favor e acompanharam Barroso os ministros Marco Aurélio Mello, Rosa Weber e Cármen Lúcia, com entendimento de que os políticos só terão direito ao foro privilegiado se o crime do qual forem acusados tiver sido cometido no exercício do mandato e tiver relação com o cargo que ocupam.

Há expectativa de que novamente o julgamento seja adiado caso um dos ministros peça novo pedido de vista, como se espera que seja feito pelos ministro Dias Toffolli ou Gilmar Mendes.

Veja alguma das manifestações:

Regina Duarte

Marisa Monte

Paulinho da Viola

Mateus Solano

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]