i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
LAVA JATO

STF decide soltar José Dirceu

Por 3 votos a 1, Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal suspendeu a execução da pena do ex-ministro, que tem condenação em segunda instância

  • PorDébora Álvares
  • BRASÍLIA
  • 26/06/2018 14:19
 | Lula Marques/Fotos Públicas
| Foto: Lula Marques/Fotos Públicas

Em julgamento no início da tarde desta terça-feira (26), a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu soltar o ex-ministro petista José Dirceu.

Relator do caso de Dirceu, o minsitro Dias Toffoli foi quem argumentou a favor do petista, seguido por Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski.

O relator da Lava Jato, Edson Fachin, posicionou-se contra a tese e chegou até a pedir vista do processo. Mas os demais ministros não concordaram com o adiamento do julgamento devido a proximidade do recesso do Judiciário, que começa na próxima semana.

A prisão do ex-ministro, que já havia sido solto em maio passado pelo STF – estava preso desde 2015 na Operação Lava Jato –, foi novamente autorizada pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) em maio, quando os desembargadores negaram recurso.

O argumento vencedor para libertar o ex-ministro assemelha-se aos apresentados pelo ex-presidente Lula na busca da suspensão de sua prisão – pedido que, se aceito, permitiria ao ex-presidente disputar as eleições, uma vez que anularia os efeitos da condenação e o tornaria novamente “ficha limpa”.

Dirceu foi condenado por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e pertinência à organização criminosa e teve a pena aumentada pelo TRF4 de 20 anos e 10 meses para 30 anos, 9 meses e 10 dias.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.