Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A campanha eleitoral nem começou, mas alguns assuntos que vão pautar as discussões até outubro já começam a aparecer. Um deles é a reforma trabalhista aprovada em 2017, que virou alvo de críticas de pré-candidatos. Lula (PT) e Ciro Gomes (PDT) sinalizaram que, caso sejam eleitos, podem fazer uma revisão nas leis aprovadas durante o governo de Michel Temer (MDB).

E, como era de se esperar, esse tipo de fala gerou reações tanto entre os demais presidenciáveis como também no mercado. Prova disso é que entidades patronais chegaram a sondar Geraldo Alckimin, cotado para ser vice de Lula, para saber se isso realmente seria um plano de governo. Tudo isso porque se acredita que mexer nas regras trabalhistas poderia ser um retrocesso ao que o empresariado considera uma modernização conquistado nos últimos cinco anos.

Para entendermos melhor o que está em jogo, o podcast 15 Minutos recebe Cristina Seciuk, editora de Economia da Gazeta do Povo, para explicar quais as possíveis mudanças os pré-candidatos querem fazer na reforma trabalhista e como isso mexe com a vida do brasileiro e com a economia do país.

***

O podcast 15 minutos é um espaço para discussão de assuntos importantes, sempre com análise e a participação da equipe de jornalistas da Gazeta do Povo. De segunda a sexta, de forma leve e dinâmica, com a duração que cabe na correria do seu dia. Apresentação é do jornalista Márcio Miranda.

***

Ficha técnica: ‘15 minutos’, podcast de notícias da Gazeta do Povo #Apresentação e roteiro: Durval Ramos; direção de conteúdo: Rodrigo Fernandes; equipe de produção: Maria Eduarda Scroccaro montagem: Leonardo Bechtloff; estratégia de distribuição: Marcus Ayres.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]