i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Ação eficaz

Brasil quer importar teste rápido da Coreia do Sul para combater o coronavírus

  • PorCamila Abrão, com Estadão Conteúdo
  • 19/03/2020 11:38
Brasil estuda importar da Coreia do Sul teste rápido para identificar o coronavírus
Teste rápido e gratuito: Coreia do Sul testa motoristas para novo coronavírus em drive through.| Foto: Jung Yeon-je/AFP

O Brasil pretende adquirir kits de teste rápido para identificar quem está contaminado com o novo coronavírus. O Ministério da Saúde está em contato com autoridades da Coreia do Sul para estudar a possibilidade da importação dos testes.

“Nós não temos ainda o teste rápido, que é parecido com o teste de gravidez, em que você coloca a amostra e ele dá uma reação. Estamos trabalhando para adquiri-lo e colocá-lo [em uso]”, disse Wanderson Oliveira, secretário-executivo do Ministério da Saúde, durante coletiva na última segunda-feira (16).

A Coreia do Sul é um dos países mais bem sucedidos em testar a população para a Covid-19. Segundo o Centros de Controle e Prevenção de Doenças da Coreia do Sul  (KCDC, na sigla em inglês), até o dia 18 de março o país havia testado mais de 295 mil pessoas, entre elas 8.413 deram positivo para o coronavírus, 1.540 receberam alta do isolamento, 6.789 estão isolados e 84 mortos. Outras 16.346 estão aguardando resultado e 270.888 testaram negativo.

Os testes em massa na Coreia do Sul permitiram ao país controlar melhor a epidemia do que outras nações. E isso se reflete no baixo índice de mortalidade do coronavírus entre os coreanos: 0,7%, enquanto o índice global é de 3,4%.

Por enquanto, no Brasil a determinação é de que só sejam realizados testes em pacientes graves, pois não há insumos suficientes para testar todos que apresentem sintomas, contrariando a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) para que todos os casos suspeitos sejam testados.

João Gabbardo, secretário-executivo do Ministério da Saúde, já afirmou que o problema não é dinheiro e, sim a disponibilidade de testes rápidos. Dezenas de países, assim como o Brasil, querem importar os testes rápidos.

Como funciona o teste rápido

O teste rápido é parecido com teste de gravidez, feito com várias soluções químicas. As amostras são coletadas dos pacientes e misturadas nas soluções, que reagem com o conteúdo genético presente. O teste coreano foi criado a partir de um sistema de inteligência artificial baseado em big data.

Segundo a CNN, o KCDC, que normalmente pode levar até um ano e meio para aprovar a liberação desse tipo de teste, o liberou em uma semana. A Seegene, empresa responsável pelo kit, tem pelo menos 30 países na fila de espera dos pedidos. E é apenas uma das quatro empresas coreanas que fabricam o teste. A companhia produz cerca de 10 mil kits por semana, cada um deles pode testar 100 pacientes – ou seja, um milhão de pessoas por semana, custando menos de US$ 20 por teste.

Coreia do Sul tem drive-through para realizar o teste rápido

A facilidade e a rapidez com que a população da Coreia do Sul é testada tem sido apontada como uma das maiores armas contra o novo coronavírus. Essa medida foi tomada após o país identificar o crescimento de casos de coronavírus relacionados a um culto religioso.

A Coreia do Sul instalou estações de drive-through para realizar os exames rápidos sem que as pessoas saiam de seus automóveis. É só chegar de carro que profissionais da saúde – paramentados da cabeça aos pés com máscaras cirúrgicas e macacões de proteção – coletam as amostras para fazer o exame. É usado um longo cotonete para retirar muco do interior da boca e garganta e outro cotonete para retirar amostra do nariz das pessoas.

As amostras são colocadas num tubo e enviadas rapidamente para um laboratório. O teste é realizado em ambiente de pressão negativa para evitar qualquer tipo de contaminação. A precisão é de 98% e leva entre um e dois dias para o resultado ficar pronto.

A pessoa recebe um telefonema se o teste for positivo ou uma mensagem de texto, se for negativo. Cerca de 96% dos laboratórios públicos e privados estão aptos a realizar testes para o coronavírus e são a linha de frente no combate a doença, segundo a BBC.

Com o teste rápido, o país consegue rastrear a maioria dos infectados para promover o isolamento dele e das pessoas com quem ele teve contato.

Casos assintomáticos também são identificados

A testagem em massa da população também permite a identificação de casos assintomáticos – ou seja, de pessoas contaminadas que não apresentam sintomas.

"A vantagem de um teste em massa é que ele identifica tanto os casos graves quanto os brandos e até os assintomáticos. Isso aumenta muito o número de identificações. Mas se é feito somente o teste em quem busca o atendimento médico, o dado pode ficar enviesado, porque provavelmente só vai identificar os casos médios e graves, justamente onde a chance de evoluir a óbito é maior", explica Marcelo Gomes, pesquisador em saúde pública do Programa de Computação Científica da Fiocruz. Estima-se que isso é que tenha ocorrido na Itália.

A Coreia começou a ter registros pouco depois do início da epidemia na China. O primeiro relato de um caso foi feito em 20 de janeiro. O pico de casos novos em 24 horas ocorreu em 29 de fevereiro – com 909 registros – e na quarta-feira (18), havia sido de apenas 93. Assim como ocorre com a China, os novos casos vêm caindo e a epidemia começa a se estabilizar.

O que o Brasil pode aprender com a Coreia?

"A impressão que se tem é de que a vigilância da Coreia talvez estivesse mais bem preparada. E, se tem um bom atendimento para as pessoas infectadas, a mortalidade é menor. Na Itália, como já nos primeiros casos identificados houve mortes, isso sugere que a vigilância tem baixa sensibilidade", diz o epidemiologista Eliseu Waldman, da Faculdade de Saúde Pública da USP. Para ele, o sistema de saúde italiano entrou em colapso, e parte dessa alta mortalidade pode se dever às condições adversas no atendimento médico.

Os pesquisadores opinam ainda que os dois quadros trazem algumas pistas sobre o que precisa ser feito no Brasil. Uma vigilância atenta, que monitore o vírus desde o início, pode ajudar a impedir a transmissão, mas é recomendável adotar medidas que diminuam aglomerações.

"Mesmo que não se consiga completamente bloquear a transmissão ou impedir a invasão no Brasil, é fundamental que se consiga diminuir a velocidade de transmissão. Isso tem impacto na habilidade do sistema de saúde de tratar de forma adequada os pacientes e evitar os óbitos", complementa Gomes.

Por que a Coreia estava mais preparada que outros países

A Coreia do Sul aprendeu com os erros cometidos durante a epidemia de Mers, como ficou conhecida a síndrome respiratória do Oriente Médio, em 2015. No país morreram 38 pessoas. Entre as medidas que precisavam de correção estava a necessidade de uma maior quantidade de testes para o diagnóstico preciso.

De acordo com a ProPublica, a partir de então foram instauradas reformas no sistema de saúde coreano – o que resultou em uma ação mais eficaz, logo após o início da epidemia da Covid-19 começar na China. Dentro de três semanas, quatro companhias coreanas já tinham testes aprovados pela OMS, e produziam uma quantidade de material suficiente para testar 10 mil pessoas por dia.

17 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 17 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • M

    Marcos Mattoso

    ± 9 horas

    Moro na Alemanha e aqui também fazem teste do tipo drive-through. E a taxa de mortalidade também é baixa. Mas creio que essa taxa baixa deva-se simplesmente ao fato de testarem mais pessoas que não estão em estado grave.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • D

    Deco Bamba

    ± 22 horas

    Vocês estão brincando!!! O Brasi teria que recomeçar tudo de novo. Aprender uma língua que foi criada em 1462 é um caminho. Respeitar a hierarquia é outro. Em termos de corrupção estamos quase empatados pois esta foi banida a pouco tempo da Coréia, no final da década de 90. Assim mesmo ainda tem focos corruptos na Coréia. O grande diferencial é o investimento no ser humano, na educação. Isto o Brasil leva banho.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    Marcus Pinheiro Machado

    ± 23 horas

    falar coreano

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • B

    bilu dandão

    ± 24 horas

    O insano de plantão anunciou investimento de 147 bi na economia. Cada kit está sendo vendido no mercado internacional a 9,90. 200 milhões de habitantes dá aprox. vamos dizer 2 bi. Não era melhor investir 145 e gastar 2?

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • P

    Plínio

    ± 1 dias

    O teste coreano foi desenvolvido por um sistema de inteligência artificial baseado em big data. O nome disso é tecnologia, ciência, progresso. E pensar que a suequinha Greta é contra o progresso. How you dare..........

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • T

    Thinker

    ± 1 dias

    Pois é, agora, com atraso, o governo fala em buscar importação de kits de teste da Coreia do Sul, mas dois dias atrás o ministro da saúde ao lado do Bolsonaro falava que não era o caso de fazer teste em todos os casos suspeitos. Mudou de opinião mas demonstra sério desconhecimento do problema. Sem contar que ao ser perguntado sobre o exemplo de combate com uso de teste na Coreia, disse que lá à população é só de 4 milhões de pessoas. Falta de conhecimento pois a população da Coreia é de 51,5 milhões. Esse governo é um desastre completo!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • M

    MICHAEL GUSTAV ADOLF MULL

    ± 1 dias

    O que a Anvisa está esperando para liberar? Falta competência e sobra a lerdeza e burocracia do Serviço Público...

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    jeferson

    ± 1 dias

    Está na hora de parar o pais, deveriam prorrogar os pagamentos todas as contas públicas e privadas por 15 dias, e parar todos os setores, exceto os essenciais para manutenção da VIDA. E todos deveriam ficar em suas residencias. Que alguém tenha coragem e decrete, e ruim para a economia é, mas não existe remédio gostoso. Economia tem altos e baixos, perdas e ganhos em varios momentos, VIDA e so uma.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • C

    Celito Medeiros

    ± 1 dias

    A Empresa Americana Abbott, com forte presença na área laboratorial do Brasil, teve seus Kits de Testes para Corona Vírus aprovados. Isto é muito bom para o Brasil, sabendo que as Vacinas também estão próximas.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    2 Respostas
    • C

      Carlos Eduardo

      ± 24 horas

      Carlinhos: E quem tem para quem quer a pronta entrega e em quantidade que atenda todo mundo? A fila é de 30 PAÍSES...

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • C

      Carlinhos

      ± 24 horas

      Tem que comprar de quem para prota entrega, sai URUBU.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • S

    Salo

    ± 1 dias

    Urgente. A cúpula do governo já está testando. E o povo

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • J

    Julio Cesar

    ± 1 dias

    Agora que o governo vai se coçar !!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • B

    bilu dandão

    ± 1 dias

    TESTAR, TESTAR E TESTAR RECOMENDAÇÃO MAXIMA E ÓBVIA DA OMS. JÁ DEVIAM TER COMPRADO!!! LÁ ESTÁ FAZENDO ATÉ EM DRIVE TRHU!! LEVA 3 MINUTOS!!

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • W

    Willian Cardoso de Souza Jesus

    ± 1 dias

    Sabem qual o ponto em comum entre os países que estão conseguindo já controlar o "vírus chinês"? FECHAMENTO DE FRONTEIRAS! Os países que tomaram essa providência NO ÍNICIO do descobrimento do surto foram os que obtiveram menos casos do vírus e menos mortes (ou, até mesmo, nenhuma). Exemplo: Rússia, Singapura, Mongólia, Hungria...olhem os dados estatíscos de casos desses países e vejam a diferença pros números da Europa Ocidental, por exemplo, onde o trânsito foi livre durante muito tempo, onde chegaram a brincar de SOCIALIZAR O VÍRUS, como disse o prefeito comunista de Florença. Claro que essa medida por si só não é suficiente. É necessária tb a quarentena e outras medidas preventivas.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    1 Respostas
    • W

      Willian Cardoso de Souza Jesus

      ± 1 dias

      Acabei de descobrir que o Brasil fechou, FINALMENTE, as suas. Porém, com MUITO ATRASO! Isso já deveria ter sido feito LOGO Q SE DESCOBRIU o problema. Mas, antes tarde do q nunca...

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]

  • A

    Anderson

    ± 1 dias

    Demorou... A população necessita ser testada

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]