• 30/08/2019 19:11
Furtos e Roubos

Assessor de líder do PSL na Câmara é preso em operação contra roubo de carga

  • 30/08/2019 19:11
    • Gazeta do Povo
    Delegado Waldir, líder do PSL na Câmara, foi acusado de estar armado na sessão da CCJ. Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
    Delegado Waldir gravou vídeo reconhecendo que Eduardo assumiu a liderança| Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

    O delegado José Maria da Silva, assessor parlamentar do deputado federal e líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir (GO), foi preso acusado de receber propina. Segundo a Polícia Civil do Estado de Goiás, ele e outros dois agentes teriam recebido R$ 100 mil no total de um homem preso por roubo e receptação de carga roubada. O fator teria ocorrido em 2014, na Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Carga, onde Silva era delegado.

    A prisão ainda é temporária e aconteceu nesta quinta-feira (29). Em nota, o deputado Delegado Waldir diz que exonerou o assessor assim que tomou conhecimento da prisão. Waldir ainda aponta que o fato gerador da prisão aconteceu antes de o acusado começar a trabalhar na assessoria parlamentar, local em que era o responsável pela redação de leis. “Apenas um ano depois, em janeiro de 2016, ele foi cedido pelo governo do estado ao gabinete”, destaca a nota. O deputado já passou por outras polêmicas. Em abril, ele foi acusado de estar armado em sessão da relatoria da Previdência.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.