• 21/10/2020 12:14
Articulação política

Marco Feliciano atuou para atenuar críticas de evangélicos a Kassio Nunes Marques

  • 21/10/2020 12:14
  • Brasília
O deputado federal Marco Feliciano
O deputado federal Marco Feliciano.| Foto:

O desembargador Kassio Nunes Marques deve ser confirmado novo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), nesta quarta-feira (21), e terá muitos motivos para agradecer a um aliado importante: o deputado Marco Feliciano (Republicanos-SP), vice-líder do governo no Congresso. Quando o pastor Silas Malafaia, líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo, usou suas redes sociais e influência política para pressionar o presidente Jair Bolsonaro e seu indicado, foi Feliciano — pastor-presidente da Igreja Assembleia de Deus Catedral do Avivamento — que atuou para contra argumentar e apaziguar os ânimos junto aos evangélicos na sociedade e dentro do Parlamento. Os mais próximos do congressista dizem à Gazeta do Povo que Feliciano defendeu a seus 7 milhões de seguidores nas redes sociais e pares no Congresso que Kassio Marques é um jurista contemporâneo e de diálogo. O discurso colou. Na última sondagem, notou um clima mais tranquilo e propenso à aprovação pelos senadores.

Tudo sobre:

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.