• 24/09/2020 15:12
LGBT

Senador pede ao STF investigação de ministro da Educação por homofobia

  • 24/09/2020 15:12
  • Brasília
O senador Fabiano Contarato (Rede-ES)
O senador Fabiano Contarato (Rede-ES)| Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado

O senador Fabiano Contarato (Rede-ES) vai apresentar ao Supremo Tribunal Federal (STF) uma representação em que pede à Procuradoria-Geral da República (PGR) investigação sobre um possível crime de homofobia praticado pelo ministro da Educação, Milton Ribeiro. Em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo publicada nesta quinta-feira (24), Ribeiro disse que a homossexualidade é uma "opção" e resultado de "famílias desajustadas".

"Estamos acionando o Supremo Tribunal Federal para que determine à Procuradoria-Geral da República a investigação do ministro por crime de homofobia. Não podemos permitir essa violação aos direitos e garantias e à liberdade individual assegurados pela Constituição. Essa é uma agressão inadmissível contra os homossexuais e toda a sociedade”, declarou Contarato, que é homossexual, o primeiro parlamentar LGBT da história do Senado.

Tudo sobre:

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.