i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Efeito coronavírus

Brasil cortou 332 mil empregos com carteira assinada em maio

  • Brasília
  • 29/06/2020 14:50
  • Atualizado em 02/07/2020 às 15:16
Lojas fechadas em Curitiba durante quarentena por coronavírus
Lojas fechadas em Curitiba durante quarentena por coronavírus.| Foto: Lineu Filho/Tribuna do Paraná

O Brasil fechou 331.901 empregos com carteira assinada em maio, segundo dados do Cadastro Nacional de Empregados e Desempregados (Caged). O resultado é a diferença entre as contratações, que totalizaram 703.921, e as demissões, que somaram 1.035.822. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (29) pela Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia.

O saldo negativo de maio foi influenciado especialmente pela queda nas admissões. As contratações caíram 48% em relação a maio de 2019. Por outro lado, em relação a abril de 2020, verificou-se um aumento de 14% na quantidade de admissões.

O resultado de maio, apesar de negativo, foi bem melhor do que o de abril, quando o país fechou 860,5 mil vagas, o pior resultado para um mês em toda a história. A série histórica medida pelo governo teve início em 1992 e, segundo o banco de dados do Caged, o pior mês da história até então tinha sido dezembro de 2008, com o fechamento de 695.361 vagas, na soma de informações declaradas dentro e fora do prazo.

Secretário comemora resultado de maio na comparação com abril

O secretário especial de Previdência e Trabalho, Bruno Bianco Leal, comemorou o resultado de maio, apesar do volume ainda expressivo de fechamento de vagas. A avaliação é que as contratação já começaram a retomar, na comparação com abril, o que seria um indicativo da reação da economia em relação ao mercado de trabalho, segundo Bianco.

"É reação clara do mercado de trabalho, da economia, nesse mês de maio em comparação com os dados do mês de abril", diz Bianco em coletiva de imprensa. "São números a comemorar sim. Nunca se comemora perda de emprego, mas podemos comemorar a reação da economia [no tocante ao mercado de trabalho]. Saldos de contratação começam a reagir de maneira significativa o que demonstram que as medidas adotadas pelo governo federal foram e estão sendo corretas e bem focalizadas", completou.

Em três meses, país cortou mais de 1,4 milhão de vagas

Desde março – quando tiveram início as medidas de distanciamento social – até maio, o país cortou ao todo 1,433 milhão de vagas formais. Foram fechadas 240,7 mil vagas em março, 860,5 mil em abril e as 332 mil vagas agora em maio.

No acumulado do ano (janeiro a maio), o Brasil fechou 1,145 milhão de empregos com carteira. Foram 5,766 milhões de contratações no período e 6,911 milhões de demissões.

O dado acumulado desde janeiro mistura os meses anteriores ao coronavírus – quando muitas empresas ainda funcionavam normalmente – com o período da pandemia. Ainda assim, veio negativo, uma vez que os cortes ocorridos a partir de março superaram com folga as contratações "líquidas" registradas no início do ano.

5 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 5 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • M

    Magela

    ± 0 minutos

    O desemprego é culpá direta dos governadores e prefeitos que mantiveram esta quarentena . O governo federal ainda tenta aliviar com pagamentos temporários aos mais necessitados.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • A

      Austríaco-PR

      ± 14 horas

      Governadores, prefeitos e togados canhotas não conseguiram destruir o país....pera, voltou a gripe, vamos para uma quarentena mais radical ainda...blábláblá........ togados, com salários garantidos, iniciam cobranças de porque flexibilizar a quarentena e bláblá..... o povo não aguente mais essa gente. Tenho a impressão que enquanto o país não for destruído não teremos paz contra essa gente ruim...

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • T

        Tim Novo

        ± 14 horas

        Congresso e Governo não se entendem ??? Será que não querem propina infelizmente quem confia nesse congresso ? Eles querem convencer que são os cordeiros, o povo que acredite

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        • L

          Leandro

          ± 14 horas

          Enquanto isso o MP pede pra fechar tudo, lotação de hospital x: 10 vagas, as 10 ocupadas, outro 5 vagas, todas ocupadas, apenas escancarou a falta de estrutura que temos, se o MP doasse 50% de seus salários, já dava pra ter umas 100 vagas fácil.

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

          • M

            Massimo

            ± 16 horas

            Apenas...

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

            Fim dos comentários.