Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A CPI da Covid ouve nesta terça-feira (28) Bruna Morato, advogada do grupo de médicos que denunciou a operadora de saúde Prevent Senior por supostamente ter realizado, sem autorização das famílias de pacientes, uma pesquisa sobre a eficácia de medicamentos como a cloroquina no tratamento do coronavírus.

Os médicos representados por Bruna Morato trabalharam na Prevent Senior, e encaminharam um dossiê com denúncias contra a operadora de saúde.

Dentre as acusações, os médicos relatam que a Prevent Senior teria alterado os prontuários dos pacientes para supostamente ocultar que a Covid-19 teria sido a causa da morte. Eles ainda acusam a operadora de saúde a os pressionar para receitar cloroquina para tratar a doença.

Senadores independentes e da oposição afirmam que os experimentos da Prevent Senior foram usados pelo suposto gabinete paralelo do governo federal para embasar políticas de enfrentamento da pandemia no Brasil.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]