Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

O presidente Jair Bolsonaro foi eleito pelo PSL em 2018, mas em novembro de 2019 ele deixou o partido e segue sem uma nova afiliação até o momento. No entanto, um nome pode influenciar a escolha de Bolsonaro: o ex-presidente Lula, que deve concorrer para presidente em 2022.

Quer entender os principais partidos que podem contar com Bolsonaro nas próximas eleições? Entenda em um minuto.

A influência de Lula na escolha de Bolsonaro por um novo partido

Ao final de 2020, Bolsonaro prometeu que até março deste ano ele faria sua escolha. Mas o presidente ainda não se decidiu, apesar de já ter conversado com dez partidos diferentes.

Desde partidos sem representação no Congresso Nacional, passando por partidos menores e chegando até as legendas maiores, as negociações acabaram empacando.

A decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de anular as condenações de Lula, também mudou o cenário político e as perspectivas de filiação de Bolsonaro.

A estratégia de escolher um partido maior é por uma busca por estrutura partidária, principalmente financeira. Caso Bolsonaro se afilie a um partido menor, mesmo que tenha o controle total dele, ainda teria problemas para garantir recursos financeiros e tempo de televisão.

Os deputados bolsonaristas acreditam que esses dois elementos serão importantes para a campanha de Bolsonaro, justamente pelo fato do momento político de 2022 ser muito diferente do de 2018.

Dos que atendem esses critérios, o PP e o PSL surgem com mais chances. Porém, o Patriota, que não tem essas mesmas características, também tem chances de contar com Bolsonaro para as eleições de 2022.

Conteúdo editado por:Jenifer Ribeiro dos Santos
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]