Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

As cinco unidades da rede municipal de ensino de Curitiba que registraram alagamentos durante neste fim de semana devem continuar fechadas nesta terça-feira (10). A estimativa é que 900 crianças estejam sem aulas na cidade. De acordo com a Prefeitura, ainda não há previsão de quando as aulas devem ser retomadas nesses locais.

No CIC, estão fechadas a Escola Municipal Professor Dário Vellozo, o Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Barigui I e a Gibiteca Alceu Chichorro. No Boqueirão, ficarão fechadas a Unidade de Educação Integral (UEI) da Escola Municipal Wenceslau Brás e o Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Meia Lua.

No caso dos dois Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) atingidos, a Secretaria Municipal de Educação está providenciando o remanejamento das crianças cujas famílias não têm outra alternativa de atendimento.

Segundo a administração municipal, os estabelecimentos ficaram inundados com mais de um metro de água. Segundo a secretária municipal da Educação, Roberlayne Borges Roballo, foi feita uma força-tarefa para a limpeza das unidades no final de semana, mas não foi possível reparar os locais a tempo para receber os estudantes.

Outras unidadesOutras quinze unidades escolares também tiveram estragos registrados por conta da chuva, mas puderam ser reparadas a tempo para o reinício das aulas após o fim de semana. A prefeitura também informou que algumas escolas, que tinham festas juninas programadas para o último sábado (7), tiveram a atividade cancelada por conta da chuva.

Em Curitiba, 16.204 pessoas foram afetadas e 4.851 residências danificadas por causa das chuvas. Segundo a prefeitura, que declarou estado de alerta pelos danos, as escolas municipais Otto Bracarense e Joana Raksa foram usadas como abrigo para os atingidos que tiveram que deixar suas casas e não tinham para onde ir.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]