i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Curiosidades

Entrelinhas

  • 03/03/2009 21:53

Cidade oculta

Uma nuvem está sobre Londrina – e isso não é uma referência aos acontecimentos sombrios que assolaram a cidade nos últimos tempos. Quem acessa o Google Earth já pode constatar o fato. No programa, a imagem captada por satélite mostra grande parte da cidade coberta por nuvens espessas. A imagem foi substituída recentemente pelos administradores do programa e a mudança desagradou quem o utiliza como ferramenta de trabalho. É o caso da ONG ambientalista Aquametrópole, que desencadeou uma campanha para tentar "remover do Google a nova imagem borrada de Londrina" (http://acquametropole.blogspot.com/).

Prepare o bolso

O motorista que trafegar pela Rodovia Régis Bittencourt (BR-116), que liga Curitiba a São Paulo, vai pagar pedágio no quilômetro 57, em Campina Grande do Sul, região metropolitana da capital, a partir da zero hora da próxima terça-feira, dia 10. A praça será a única no lado paranaense da Régis. O início da cobrança foi anunciado ontem pela Autopista Régis Bittencourt, concessionária que administra o trecho. A tarifa para carros de passeio e por eixo de caminhão é R$ 1,50. Com o novo pedágio, os motoristas terão de desembolsar R$ 6 para percorrer os 408 km entre Curitiba e São Paulo – menos da metade dos R$ 12,50 cobrados pelos 90 km da BR-277 que ligam a capital paranaense a Paranaguá.

Sem violência

A Universidade Estadual de Maringá preparou um trote solidário para recepcionar os calouros do curso de Engenharia Agrícola de Cidade Gaúcha na última segunda-feira. Quase todos os 40 novos alunos participaram do plantio de 450 mudas de árvores que vão compor a reserva legal do Câmpus Regional do Arenito. Foram 350 mudas de eucalipto e 100 de árvores nativas (guaritá, gurucaia, cedro, angico vermelho, aroeira pimenta, sangra d’água, guajuvira, mutambo e candeiuva), todas produzidas no viveiro do próprio câmpus.

Vida salva

O Destacamento da PM em Pinhão recebeu no dia 3 do mês passado, pelo telefone 190, um chamado inusitado. Por volta das 23 horas, uma mãe pediu auxílio, informando que seu bebê de 6 dias não respirava, não se mexia e começava a ficar roxo. De imediato, o soldado de plantão orientou a mãe sobre como fazer uma massagem no estômago da criança. Na primeira tentativa, ela não obteve resultado, mas, na segunda, a criança reagiu com o choro. O soldado chamou o Corpo de Bombeiros, que deslocou até a casa da jovem mãe e levou o bebê ao hospital, onde ele foi atendido e, segundo o médico, já não corria mais perigo, graças ao primeiro atendimento.

Mau exemplo

Uma leitora ligou indignada para reclamar da atuação da Diretoria de Trânsito de Curitiba (Diretran). Na noite de sábado, agentes orientavam motoristas para que fossem retirados os carros estacionados em frente a uma pizzaria no bairro da Barreirinha. Só que não havia sinalização proibindo o estacionamento no local. Já veículo da Diretran estava estacionado exatamente na esquina da Avenida Anita Garibaldi com a Rua Carmelina Cavassin, em local proibido e perigoso.

Bandeira 2

O taxista Eloir José Galemba lança hoje, às 19 horas, nas Livrarias Curitiba do Shopping Estação, o livro Meu táxi não fala... Ah, se falasse! A obra é uma produção independente. Logo que começou a trabalhar como chofer de praça, Eloir se deu conta das muitas histórias que passavam pelo banco dos passageiros. Passou a anotá-las num caderno escolar e a produzir crônicas – algumas delas hilárias, outras emocionantes, como a da mulher que sai em busca do filho que abandonou. Não é difícil imaginar quem foi seu anjo da guarda. O material rendeu tanto que o taxista já tem histórias para um segundo volume. É o caso de um dos mitos dos taxistas curitibanos, a Loira Fantasma.

* * * * * * * *

Cerca de 50 diferentes entidades participarão, na próxima segunda-feira, a partir das 9 horas, do desfile comemorativo do 158º aniversário de fundação de Joinville. O evento promete ser o maior da história do município mais populoso de Santa Catarina. *** Há 35 anos foi inaugurada a ponte Rio-Niterói, ligando o então estado da Guanabara à antiga capital do estado do Rio de Janeiro. *** Nasceram nesta data o infante dom Henrique, o músico Antonio Vivaldi (1678-1741), o ex-presidente (1985) e ex-premiê (1961-1962) brasileiro Tancredo de Almeida Neves (1910-1985), as cantoras Ademilde Fonseca (1921) e Inezita Barroso (1925), o ator Carlos Vereza, o ex-jogador Dario José dos Santos, o Dadá Maravilha (1946), o baixista Chris Squire (1948), o jornalista Juca Kfouri (1950), os jogadores Dill (1974) e Souza (1982) e o músico Gabriel, o Pensador (1974). *** "No Brasil se tem muita dificuldade de encontrar atrizes para os papéis de avós, porque todas estão esticadíssimas." (Amy Irving)

entrelinhas@gazetadopovo.com.br

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.