i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Grande Curitiba

Criança de 3 anos é baleada na cabeça

  • PorAdriano Kotsan
  • 30/06/2009 21:09

Um menino de 3 anos foi baleado na cabeça, dentro de casa, na manhã de ontem, em São José dos Pinhais. Dois homens armados invadiram a casa, no Jardim Independência, e dispararam um tiro na cabeça da criança. A polícia suspeita que o crime tenha sido motivado por dívida por drogas, mas não descarta nenhuma hipótese, inclusive que o disparo tenha sido acidental. Não houve roubo na casa.

O crime foi cometido por volta das 9h30. A criança foi levada pelo helicóptero da Polícia Rodoviária Federal em estado grave para o Hospital Angelina Caron, em Campina Grande do Sul, também na região metropolitana.

Segundo o delegado titular da delegacia regional de São José dos Pinhais, Osmar Dechiche, os autores já foram identificados, e um deles foi detido ontem à tarde. "São dois traficantes, que frequentemente estavam na casa e convivem nos arredores da residência", explica. "São pessoas ligadas à família." O nome do detido não foi revelado.

No momento do crime, o menino estava com a irmã de 9 anos na sala. "O pai das crianças era usuário de drogas e abandonou a casa há 4 meses", afirma o delegado. "A informação que temos é que ele devia para os traficantes."

Em depoimento à polícia, a mãe do menino disse que estava na casa no momento do tiro, mas não viu o que houve. "Ela estava embriagada e confusa", conta o delegado. "Quando os bandidos entraram na casa, a mãe estava na cozinha e ouviu o tiro na sala. Ela foi ver o que aconteceu e os homens estavam saindo da casa." Um suspeito foi preso ontem.

Segundo informações do hospital, o menino passou por cirurgia para retirar a bala do crânio, ainda pela manhã. O procedimento terminou por volta das 12 horas e a criança está em estado grave na unidade de terapia intensiva (UTI).

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.