i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
segurança

Dicas para não ser alvo de bandidos nas compras ou em eventos de Natal

  • PorDa Redação
  • 09/12/2016 17:17
 | Hugo Harada/Gazeta do Povo/Arquivo
| Foto: Hugo Harada/Gazeta do Povo/Arquivo

O período que antecede o Natal se caracteriza, tradicionalmente, por levar muita gente às ruas. As pessoas aproveitam não só para comprar presentes, mas também para assistir aos inúmeros corais ou apresentações de época. É bom, no entanto, estar atento. Apesar do reforço no policiamento, o maior volume de gente nas vias públicas favorece a ação de assaltantes. Por isso, a tenente Fernanda Pergorini, porta-voz da Polícia Militar (PM) do Paraná, dá dicas de como minimizar as chances de ser alvo dos bandidos.

Compras

Procure andar com o menor número de sacolas possível. Além de chamar a atenção de ladrões, carregar muitos volumes pode facilitar a ação dos bandidos. O ideal é, ainda que tenha comprado presentes em lojas diferentes, colocá-los em uma mesma sacola.

Árvores solidárias de Natal se espalham pelo Paraná – e tem até para pets

Leia a matéria completa

Se estiver carregando os presentes durante uma apresentação natalina de rua, procure mantê-los à frente do seu corpo. Não os deixe no chão em hipótese alguma.

Bolsas

Caminhe sempre com a bolsa colocada à frente do corpo. Deixá-la ao lado ou atrás pode torná-la presa fácil dos ladrões, que podem tentar roubá-la ou furtar objetos guardados dentro dela. Do mesmo modo, procure manter sempre as carteiras ou celulares em bolsos da frente.

Celular

É apontado como o grande “vilão” da segurança. O ideal é não manuseá-lo em público, já que os bandidos podem se aproveitar para agir justamente naquele momento em que você checa o WhatsApp ou posta algo em redes sociais. Além disso, os aparelhos chamam a atenção dos ladrões. Se quiser muito fazer uma foto em local público, cheque bem o entorno e se certifique de que não há nenhum movimento suspeito. Em eventos, evite ser aquele que fica filmando o tempo todo, distraidamente.

Dinheiro

Priorize fazer as contas usando cartões de débito e crédito, que podem ser facilmente bloqueados em caso de furto ou roubo. Evite andar com grandes quantidades de dinheiro. Se efetuar saques em caixas eletrônicos, não conte as cédulas diante dos terminais e procure checar se está sendo seguido e/ou observado por suspeitos. Procure, ainda, se certificar que há segurança para deixar o ponto de autoatendimento.

Crianças

Identifique as crianças antes de ir às compras ou a eventos em locais públicos. Basta improvisar um crachá ou uma pulseira com o nome delas e com a indicação do telefone de um responsável. Dessa forma, se a criança se perder na multidão, os pais podem ser localizados.

Suspeitos

Caso identifique pessoas que estejam agindo de forma suspeita, procure um dos policiais que fazem rondas preventivas ou acione a PM por meio do telefone 190. O policiamento foi reforçado neste período, em todo o estado.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.