Dois homens morreram, no fim da tarde de sexta-feira (4), após trocarem tiros com policiais militares, em Contenda, na região metropolitana de Curitiba. Eles estavam em um carro com placas clonadas e são suspeitos de cometerem uma série de assaltos na cidade. Outro suspeito que também participou do tiroteio acabou preso, segundo a Polícia Militar (PM).

De acordo com informações do boletim de ocorrência, os três suspeitos estavam a bordo de um Honda Civic, na região central de Contenda. Uma equipe da PM desconfiou da atitude do trio e, pelo sistema da corporação, verificou que a placa do carro estava clonada – correspondia a de uma caminhonete Duster.

Diante disso, os policiais tentaram abordar os suspeitos, mas eles arrancaram com o veículo, fugindo em direção à rodovia do Xisto. Segundo a PM, os três reagiram, iniciando uma troca de tiros. Dois dos ocupantes do Civic foram atingidos por disparos, levados ao hospital do município, mas não resistiram aos ferimentos e morreram. A identidade deles ainda não foi confirmada.

O outro homem que estava no carro, identificado como Jorge de Paula Amaral, de 45 anos, foi preso em flagrante. A PM também apreendeu duas pistolas – uma de 9 milímetros e uma calibre 765.Cobrador assassinado no Mercês

Um homem de 24 anos foi assassinado, por volta das 23 horas de sexta-feira, em frente a casa que morava, no bairro Mercês, em Curitiba. Ele foi identificado como Rodrigo Ferreira, que trabalhava como cobrador de ônibus.Segundo informações da PM, Ferreira foi atingido por um tiro no tórax e morreu antes da chegada do socorro médico. Três homens foram vistos deixando o local, em um Palio de cor escura. Não há informações sobre a autoria ou a motivação do crime.

Um morto e dois baleados

No bairro Fazendinha, em Curitiba, um homem morreu e dois foram baleados, na madrugada deste sábado (5). O crime ocorreu próximo a um posto de combustíveis, na Rua João Bettega. O frentista acionou a PM após ter ouvido disparos de arma de fogo. Quando a viatura chegou ao local, encontrou Alexandre Manoel Matei já sem vida. A idade dele não foi confirmada. Um homem de 23 anos também foi atingido, e encaminhado ao Hospital do Trabalhador em estado grave. O outro ferido é um homem de 44 anos, que foi socorrido ao Hospital Cajuru.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]