• Carregando...
Segundo o filho da antiga criadora, um dos animais teria mais de 20 anos | Reprodução/RPC TV Maringá
Segundo o filho da antiga criadora, um dos animais teria mais de 20 anos| Foto: Reprodução/RPC TV Maringá

Um caso inusitado chamou a atenção da Polícia Militar Ambiental de Maringá na segunda-feira (19). Um homem herdou 14 jabutis que eram criados pela sua mãe, falecida há poucos dias. Sem saber o que fazer com os animais e com medo de ter problemas com a Justiça, o morador de Marialva, na Região Metropolitana de Maringá, resolveu entregar os bichos para a Força Verde.

De acordo com a polícia, os animais silvestres eram criados em uma chácara, sem qualquer licença do Ibama, exigência para quem possui um animal silvestre. Entre os 14 jabutis entregues, oito eram filhotes. Um dos bichos teria mais de 20 anos, segundo o morador.

Os animais foram levados na tarde desta terça-feira (20) para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) de Mauá de Serra, na região Norte do estado. De acordo com a Polícia Ambiental, o homem que entregou os jabutis não foi autuado por crimes ambientais, já que ele não era o responsável pelos animais e por tê-los entregado de forma voluntária.

0 COMENTÁRIO(S)
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]