Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Motorista informou transportar grãos de milho. Na verdade, eram cigarros contrabandeados | Divulgação/PRF
Motorista informou transportar grãos de milho. Na verdade, eram cigarros contrabandeados| Foto: Divulgação/PRF

Um motorista foi preso, após tentar atravessar as rodovias paranaenses com meio milhão de maços de cigarros, oriundos de contrabando. A carga veio do Paraguai, e foi interceptada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR 163, na altura de Quatro Pontes, região oeste do Paraná. A carga tem valor de mercado de cerca de R$ 2,5 milhões, segundo a PRF.

O motorista, um homem de 35 anos, declarou ter saído de Guaíra, na fronteira com o Paraguai, com destino a Curitiba, capital do estado. Ao ser abordado pela polícia, ele informou transportar milho em grãos.

Pressionado para mostrar a nota fiscal, o homem cedeu, e confessou carregar caixas de cigarros ilegais, nos dois semirreboques do caminhão, do tipo bitrem.

Além de contrabando, o homem vai responder por atividades clandestinas de telecomunicações. Isto porque os agentes da PRF encontraram no veículo um aparelho de rádio “pirata”, sem autorização da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). A pena para os dois crimes pode variar de dois a cinco e de dois a quatro anos, respectivamente.

Preso e veículo foram encaminhados para a delegacia da Polícia Federal, em Cascavel. A PRF não divulgou a identidade do motorista.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]