Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Gesto de Adrilles que o levou a ser afastado da Jovem Pan. Comentarista disse ter sido mal interpretado.
Gesto de Adrilles que o levou a ser afastado da Jovem Pan. Comentarista disse ter sido mal interpretado.| Foto:

O comentarista Adrilles Jorge foi afastado da Jovem Pan News após fazer um gesto com a mão direita parecido com o "Sieg Heil", uma saudação nazista utilizada na Alemanha de Adolf Hitler.

>> Faça parte do canal de Vida e Cidadania no Telegram

O fato ocorreu no programa "Opinião", desta terça-feira (8), quando Adrilles comentou a manifestação de Bruno Monteiro Aiub, conhecido como Monark, que defendeu no Flow Podcast a criação de um partido nazista no Brasil. Depois de afirmar que o comunismo teria matado mais pessoas que o nazismo, Adrilles levantou a mão direita para se despedir. O apresentador William Travassos sussurra: "Surreal, Adrilles".

Em nota, a Jovem Pan afirmou repudiar qualquer manifestação em defesa do nazismo e suas ideias. "Somos veementemente contra a perseguição a qualquer grupo por questões étnicas, religiosas, raciais ou sexuais. No exercício diário de informar e esclarecer nossa audiência, prezamos pelo livre debate de ideias, mas não endossamos qualquer tipo de manifestação que leve ao discurso de ódio e reforce ideias que remetam a um episódio da nossa história que deve ser lembrado como símbolo de um erro da humanidade que não deve jamais ser repetido." (Leia a nota na íntegra).

Apesar de seu gesto ter sido associado à saudação nazista, Adrilles disse, em suas redes sociais, que teria feito apenas um "tchau". Em vídeo, ele afirmou que, durante o programa, ele teria se colocado radicalmente contra a criação de um partido nazista e que seu gesto estaria sendo usado para deturpar sua participação na Jovem Pan com o objetivo de "massacrar" e "cancelar" a sua liberdade de expressão.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]