Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Relíquia foi trazida por padres da Itália e está na cidade desde a década de 1960 | Reprodução/ Rede Globo
Relíquia foi trazida por padres da Itália e está na cidade desde a década de 1960| Foto: Reprodução/ Rede Globo

A Polícia Civil investiga o furto de uma relíquia na Igreja de São Judas Tadeu, em São José do Rio Preto, a 438 quilômetros de São Paulo. Um ladrão entrou no templo na noite de segunda-feira (4) e levou o que segundo a tradição católica é um fragmento do osso de São Judas.

Logo que chegou à igreja, como faz todos os dias, a dona de casa Iva Maria Tressoldi sentiu falta do objeto de devoção. "Ninguém devia mexer nas coisas da igreja, que as pessoas têm fé", afirmou. O objeto é menor que um grão de arroz e ficava dentro de um relicário feito de latão.

A igreja fica aberta o dia todo, por isso o criminoso não teve dificuldades para entrar. Ele arrombou uma porta de madeira onde ficava o relicário. No cofre, onde os fiéis colocam as ofertas, o assaltante quebrou o cadeado com uma barra de ferro, mas não conseguiu pegar o dinheiro.

Segundo a assessoria de imprensa da igreja, a relíquia está na cidade desde a década de 1960 e foi trazida por padres da Itália. Os fiéis fazem um apelo ao ladrão para que devolva o objeto.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]