i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
São José dos Pinhais

Madrasta será indiciada por homicídio de bebê

  • PorGladson Angeli - Gazeta do Povo Online
  • 06/11/2007 15:27

A madrasta do bebê de um ano e nove meses que morreu no domingo (4), no distrito de Contenda, na região metropolitana de Curitiba, será indiciada por homicídio qualificado. Ela prestou depoimento nesta terça-feira (6) na Polícia Civil de São José dos Pinhais. O superintendente da delegacia, Altair Ferreira, disse que o inquérito será encaminhado ao Ministério Público e será pedida a prisão preventiva da mulher.

Ferreira informou que, no depoimento, a madrasta não conseguiu explicar o que teria provocado as lesões que resultaram na morte da criança. O laudo do Instituto Médico Legal (IML) aponta que o bebê, Nikson de Freitas, morreu de hemorragia provocada pelo rompimento do baço. A criança teria, ainda, diversos hematomas pelo corpo.

A mulher contou à polícia que o enteado teria se machucado ao cair de um triciclo de brinquedo. Ela disse, ainda, que no domingo, o bebê sofreu uma convulsão e vomitou. Quando ela foi limpar, teria derrubado a criança no piso do banheiro. Segundo Ferreira, o laudo do instituto descarta que uma possível queda provocaria o rompimento do órgão. "Pelo que conversei com o perito, o ferimento foi provocado por uma pancada", disse. Vizinhos relataram à polícia casos de maus-tratos da madrasta contra a criança.

Nikson morava em Contenda com o pai e a madrasta. A mãe reside em Pitanga, na região dos Campos Gerais. O pai do bebê contou aos policiais que não viu as agressões. De acordo com Ferreira, ele poderá ser indiciado por omissão.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.