i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
ACIDENTE NA curva da santa

Mais de 24 horas depois de acidente, BR-376 tem trânsito totalmente liberado

  • PorAngieli Maros e Diego Antonelli
  • 08/02/2016 12:35
 | PRF/Divulgação
| Foto: PRF/Divulgação

O trecho da BR-376 entre Curitiba e o Litoral de Santa Catarina que estava parcialmente interditado por causa de um acidente foi liberado por volta das 13h15 desta segunda-feira (8). A liberação ocorreu mais de 24 horas após a colisão, que acabou com duas pessoas mortas. O acidente foi no quilômetro 668 (Curva da Santa) e mantinha, até então, apenas uma faixa em cada sentido liberada. De acordo com a PRF, ainda é preciso redobrar a atenção no trecho, porque a pista continua escorregadia.

A batida ocorreu por volta das 11h40 de domingo, no quilômetro 668 (Curva da Santa), e envolveu um caminhão e um veículo de passeio. Motorista e passageira do carro – um Honda Civic com placas de Curitiba – morreram. Ele, na hora. Ela chegou a ser socorrida, mas morreu dentro da ambulância, a caminho do hospital.

As vítimas fatais eram Priscila Stawski Rambalducci, de 32 anos, e Carlos Henrique Carmargo Pereira, de 35 anos. Ela era formada pela Universidade Estadual de Londrina (UEL) e atuava como professora de Marketing na Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR). Carlos era servidor público e atuava no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Paraná.

O motorista do caminhão, de 35 anos, teve ferimentos graves e foi levado ao Hospital Municipal São José, em Joinville, por um helicóptero da Polícia Militar (PM) de Santa Catarina. Também no caminhão, uma mulher, com lesões leves, e uma criança de cinco anos, que saiu ilesa, foram levados a hospitais de Joinville.

O tanque caminhão envolvido na colisão continha 33 toneladas de óleo vegetal. De acordo com a PRF, a carga vazou aos poucos, no canteiro central, atingindo as duas pistas. Embora a concessionária tenha utilizado calcário e feito tentativas de dragagem do óleo derramado, a pista ainda permaneceu escorregadia durante a manhã.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.