O governo do Maranhão confirmou na terça-feira (9) o primeiro caso de zika vírus no estado. O paciente infectado é do município de Gonçalves Dias, a 340 quilômetros de São Luís. São Paulo e Rio de Janeiro já haviam notificado os primeiros casos da doença.

Segundo o ministério, o zika vírus tem evolução benigna, caracterizada por febre baixa, olhos vermelhos sem secreção e sem coceira, dores nas articulações e erupção cutânea com pontos brancos e vermelhos, além de dores musculares, dor de cabeça e nas costas.

O ministério informou que ainda não dispõe de um balanço nacional sobre o número de pessoas que já contraíram a doença. A explicação é que, por se tratar de um vírus sem evolução grave, não há exigência de notificação.

O zica vírus é transmitido pelo mesmo mosquito que transmite o vírus da dengue e a febre chikungunya, o Aedes aegypti. Depois de alguns estados desconfiarem da presença da doença, o Ministério da Saúde confirmou mês passado os 16 primeiros casos no país.

Segundo a pasta, cada estado estabelece os procedimentos a serem adotados, por exemplo, se o paciente que desconfia ter o vírus precisa fazer a sorologia para confirmar ou se o diagnóstico é clínico e por exclusão.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]