Cerca de 18,5 mil candidatos entram em sala para as provas do Vestibular de Verão da Universidade Estadual de Maringá (UEM), que começa neste domingo (12). Nos três dias de prova, o exame começa às 8h50 e vai até 13 horas, nas seguintes cidades do Paraná: Apucarana, Campo Mourão, Cianorte, Cidade Gaúcha, Goioerê, Ivaiporã, Maringá, Paranavaí e Umuarama.

Nos dias de prova, a entrada em sala será liberada das 8h30 às 8h50. Após esse horário, as portas serão fechadas e nenhum candidato poderá entrar. Para evitar atropelos de última hora, se aconselha que os alunos visitem o local de prova com antecedência.

O candidato deverá portar um documento de identificação com foto, lápis, borracha e caneta esferográfica com tinta azul escura ou preta, escrita grossa para o preenchimento da folha de resposta. O uso de dicionário, de calculadora eletrônica, ou qualquer outro material de consulta é proibido, assim como o de telefone celular, notebook, e outros aparelhos eletrônicos.

No domingo (12), primeiro dia do concurso, os vestibulandos irão responder a questões de Conhecimentos Gerais. Na segunda-feira (13), haverá provas de Língua Portuguesa e Literatura em Língua Portuguesa, Língua Estrangeira e Redação. Já na terça-feira (14), a prova será de Conhecimentos Específicos, sendo que as disciplinas cobradas variam conforme a opção de curso do candidato.

Uma novidade neste vestibular é que ele vai selecionar alunos para a primeira turma de diversos cursos novos, entre eles, Comunicação e Multimeios, Engenharia Civil em Umuarama, Engenharia Elétrica, Engenharia de Produção em Goioerê, Engenharia Ambiental, Artes Cênicas, Bioquímica, Tecnologia em Biotecnologia, Artes Visuais, Engenharia de Alimentos em Umuarama e Matemática integral.

Cerca de 14% disputam uma das 20 vagas de Medicina, novamente o curso mais concorrido. A relação registrada é 143,1 candidatos por vaga pelo sistema tradicional e 73 candidatos/vaga pelo sistema de cota.

Lei Seca

Já a partir desta sexta-feira (10) a venda e o consumo de bebidas alcoólicas estão proibidas próximo a Universidade Estadual de Maringá (UEM). A medida, que obedece lei municipal vai até às 24 horas de terça-feira (14), data que termina o vestibular da instituição.

A lei é válida para o quadrilátero entre a Avenida Colombo e a Rua Vitória, e a Avenida Morangueira e a Rua Quintino Bocaiúva, com exceção para a Rua Vitória e a Avenida Morangueira. Dentro do quadrilátero, estão isentos do cumprimento da lei os estabelecimentos comerciais que não vendem bebidas alcoólicas para consumo no local, como mercados e supermercados.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]