• Carregando...

O prefeito Silvio Barros assinou nesta sexta-feira (13) a lei que institui o Festival Afro-Brasileiro, que será realizado anualmente na semana do dia 20 de novembro, Dia Nacional da Consciência Negra. O projeto de criação do festival foi apresentado pelo executivo e foi votado em regime de urgência na sessão de terça-feira (10), na Câmara de Maringá. A criação do festival foi uma espécie de "compensação" pelo veto do prefeito à lei que criaria o Feriado do Dia da Consciência Negra no município.

Na mesma ocasião, Barros anunciou a liberação de R$40 mil para os preparativos do Festival. A Associação Comercial e Empresarial de Maringá (Acim) também manifestou apoio ao festival. Por meio da Acim, os empresários de Maringá pediram ao executivo que a lei do feriado não fosse sancionada, visto que a medida poderia causar prejuízo estimado de R$ 27 milhões à cidade.

0 COMENTÁRIO(S)
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]