i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
região metropolitana

Na fuga, presos da PEP I fizeram uma família como refém

Vítima foi solta depois de permanecer por cinco horas nas mãos dos criminosos

  • PorLucas Sarzi, da Tribuna do Paraná
  • 15/01/2017 12:07
 | Gerson Klaina/Gazeta do Povo
| Foto: Gerson Klaina/Gazeta do Povo

Quatro presos que participaram da fuga da Penitenciária Estadual de Piraquara 1 (PEP I), durante a madrugada deste domingo (15), fizeram uma família refém em Quatro Barras, também na região metropolitana de Curitiba. As pessoas permaneceram nas mãos dos criminosos por cerca de 5 horas.

O quarteto estava armado e a condição para que se entregassem era a presença da imprensa e de um advogado no local. O advogado Igor José Ogar conversou com os presos e eles prometeram se entregar. Após negociação com a Polícia Militar, os quatro liberaram as vítimas, por volta das 12h30.

“Estavam bem preocupados, com medo do que poderia acontecer. Não disseram por que fugiram, mas contaram que viram os presos serem mortos dentro do presídio e inclusive reclamaram disso”, disse o advogado.

Pelo menos dez viaturas da Polícia Militar (PM) e uma do Siate permaneceram no local até o desfecho da ocorrência. Com os quatro criminosos foram apreendidos três fuzis 762 e duas pistolas. As armas apreendidas e os quatro presos foram encaminhados para o Cope.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.