Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

São Paulo - Um acidente nas obras de expansão da rede do metrô de São Paulo resultou na morte de um trabalhador na tarde de ontem, no canteiro localizado da Rua Itibirama, Vila Prudente, na zona leste da capital. O carpinteiro Rai­mundo Maria de Almeida, 49 anos, foi atingido por um trilho de aço que teria se soltado de um guindaste na obra da Linha 2-Verde. Almeida foi contratado há três meses e estava próximo do fim do turno de trabalho no momento da queda.

O acidente aconteceu por volta das 16h30 e obrigou a paralisação dos trabalhos de construção. O funcionário trabalhava em uma vala a 40 metros de profundidade, no túnel de expansão entre as futuras estações Tamanduateí e Vila Prudente. Ele foi atingido por um trilho de aço com cerca de 700 quilos que se desprendeu do guindaste que o içava e caiu na posição vertical sobre Almeida, que morreu na hora. Nenhum outro funcionário ficou ferido. Cerca de 20 pessoas estavam próximas do local na hora do acidente. Até o início da noite de ontem, o corpo permanecia sob o trilho para que os trabalhos da perícia técnica fossem feitos. Quatro equipes dos bombeiros participaram do resgate.

A empreiteira Galvão Enge­nharia, responsável pela construção desse trecho da expansão do metrô paulista, informou, por meio de nota, que vai investigar as causas do acidente. A morte foi considerada "uma fatalidade" pela empresa. O trabalhador, segundo a Galvão, "seguia todas as normas de segurança e utilizava todos os itens de proteção".

Segurança

A Galvão informou também que o içamento de materiais e equipamentos faz parte da rotina diária dos serviços na obra, na qual "são seguidos rígidos cuidados de segurança no trabalho", segundo nota divulgada no início da noite. A companhia do Metrô, também por meio de nota, afirmou que lamenta o ocorrido e que exigiu da empreiteira providências imediatas para o atendimento aos familiares e que vai acompanhar as investigações.

Cerca de 4,3 mil operários trabalham 24 horas por dia para entregar as obras nas datas planejadas. No dia 28 de dezembro está prevista a abertura da Estação Sacomã da mesma linha, ao lado do terminal do Expresso Tiradentes. A inauguração será feita pelo governador José Serra (PSDB). Uma vistoria nas instalações da futura estação Sacomã foi realizada por Serra no dia 18 de novembro.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]