i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Minas Gerais

Perícia aponta irregularidades na van que transportava romeiros

Dezenove pessoas ocupavam a van, que ia para Aparecida. Dez morreram e nove ficaram feridos no acidente em MG

  • PorG1/Globo.com
  • 23/11/2008 08:38

A polícia afirma que estava superlotada a van que bateu durante a madrugada deste sábado (22), na BR-459, na região de Itajubá (MG), em uma carreta. Dezenove pessoas ocupavam a van, que ia de Pouso Alegre para Aparecida (SP).

O filho do motorista diz que o pai era experiente. "Era de costume a van ir quase toda semana para Aparecida, como foi desta vez também. Ele mesmo dirigia e eu, às vezes, também ia", contou.

O veículo bateu na lateral de uma carreta e capotou. Dez pessoas morreram. Três feridos estão internados na Santa Casa, um em estado grave. Seis permanecem no Hospital-Escola de Itajubá.

"Nós temos pacientes internados na nossa UTI. Temos pacientes aguardando vagas na UTI, mais os que estão na sala de emergência sendo cuidados. Uma delas é uma criança, que, inclusive, não temos a identificação", informou o hospital.

Segundo a perícia, os acidentes são comuns na curva da rodovia e durante a madrugada choveu. A pista molhada pode ter sido uma das causas da tragédia. Ainda não foi possível definir a causa do acidente, mas o perito já aponta algumas irregularidades:

"Quando eu cheguei no local, o Corpo de Bombeiros já havia feito o socorro das vítimas. As que ainda se encontravam dentro do veículo presas às ferragens e já em óbito não estavam usando o cinto de segurança. O tacógrafo da van, que também é equipamento obrigatório, foi retirado, porém ele não havia sido trocado pelo condutor. Então, talvez não seja possível identificar essa velocidade, em função da falta da troca do disco do tacógrafo", disse o policial civil Elieber da Silva Teixeira.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.