Publicação no Instagram da 46ª CIPM, que celebrava a detenção de um homem que circulava pela via pública durante vigência do toque de recolher, foi apagada na tarde desta segunda-feira.
Publicação no Instagram da 46ª CIPM, que celebrava a detenção de um homem que circulava pela via pública durante vigência do toque de recolher, foi apagada na tarde desta segunda-feira.| Foto: Reprodução / Instagram

O perfil oficial da 46ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPR) da Bahia no Instagram fez uma publicação neste domingo (28) “comemorando” a detenção de um homem que circulava nas ruas do município de Livramento de Nossa Senhora, no interior da Bahia, portando bebida alcoólica após o horário permitido em decreto estadual. Após uma série de comentários criticando a postura da companhia, a postagem foi apagada na tarde desta segunda-feira (1º).

“Em Livramento, indivíduo é conduzido à Delegacia, após ser avistado transitando em via pública e portando bebidas alcoólicas, em descumprimento ao Decreto de Restrição de locomoção noturna. 46ª CIPM, braços fortes, mãos amigas. PMBA, uma força a serviço do cidadão”, diz a publicação.

Em todo o mês de fevereiro, o mesmo perfil fez cinco publicações em que celebrou operações da companhia – uma delas estava relacionada a porte ilegal de armas, outra a tráfico de animais silvestres, outra à captura de um fugitivo, outra a tráfico de drogas e, esta última, à circulação em via pública após as 20h, limite de horário permitido para circulação de acordo com decreto estadual.

A reportagem da Gazeta do Povo contatou a 46ª CIPR solicitando mais informações sobre o ocorrido, porém não houve retorno até o fechamento desta reportagem.

Medidas restritivas tem se intensificado na Bahia

As medidas para conter a transmissão da Covid-19 no estado da Bahia ficaram mais rígidas nos últimos dias. Desde 22 de fevereiro, o toque de recolher que restringe a circulação de pessoas nas ruas (exceto quando houver motivos de saúde ou urgência comprovada), que era válido entre 22h e 5h, passou a vigorar entre 20h e 5h. A medida seria encerrada neste domingo (28), porém na mesma data o governador da Bahia, Rui Costa (PT), anunciou sua prorrogação em todos os 417 municípios do estado.

Na quinta-feira (25), Costa também publicou um decreto proibindo o funcionamento de todas as atividades consideradas não essenciais em todo o território da Bahia a partir das 17h de sexta-feira (26) até às 5h desta segunda-feira (1º). No domingo, entretanto, o governador prorrogou a vigência das medidas por mais 48 horas, com exceção de três regiões: oeste, norte e nordeste do estado.

Há insatisfação por parte da população quanto a possíveis excessos cometidos por autoridades na aplicação das medidas. Na noite de quinta-feira (25), um vendedor ambulante que não conseguiu voltar para casa porque não havia ônibus disponíveis foi conduzido à Central de Flagrantes de Salvador por policiais militares por desrespeitar o toque de recolher.

1 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]