i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Curitiba

Seis homens são presos acusados de integrar quadrilha de assaltantes

Segundo a polícia, suspeitos assaltavam estabelecimentos comerciais e motoristas na capital. Homens foram presos em três bairros da cidade

  • PorAdriano Ribeiro
  • 31/03/2010 16:56
Armas, coletes e drogas encontrados com homens acusados de formar quadrilha de assaltantes | Divulgação / Sesp
Armas, coletes e drogas encontrados com homens acusados de formar quadrilha de assaltantes| Foto: Divulgação / Sesp
  • Quatro dos seis supeitos presos. Eles são acusados de efetuar diversos assaltos em Curitiba

Seis homens acusados de formar uma quadrilha responsável por diversos assaltos em Curitiba foram presos em uma operação policial realizada na terça-feira (30) e nesta quarta-feira (31). Segundo as autoridades, os suspeitos estariam efetuando roubos contra estabelecimentos comerciais e também contra motoristas que trafegam na capital.

A ação policial foi comandada pelo Centro de Operações Policiais Especiais (Cope). Depois de um período de investigações, foram cumpridos mandados de busca e apreensão nos bairros Capão da Imbuia, Cidade Industrial de Curitiba (CIC) e Sítio Cercado. Seis suspeitos acabaram presos: Adriano da Silva Cruz, de 22 anos, Darcy Damas da Silveira, 60, Eduardo Lima, 18, João Airton Balista, 46, Marcos Domingos Korobinski, 40, e Vinicius Borges Martins, 18. Entre os detidos, apenas Korobinski já tem passagem na polícia, por tráfico de drogas.

Com os acusados, as equipes do Cope encontraram duas pistolas, dois revólveres, dois coletes à prova de balas, 500 gramas de maconha e uma caminhonete que havia sido roubada em dezembro do ano passado em Curitiba.

Além destas prisões, os policiais civis levaram Noé Garcia Cobian, de 45 anos para a Polícia Federal (PF). Durante a operação, o homem, que é mexicano, foi flagrado com a documentação irregular.

Os seis suspeitos serão encaminhados para o Centro de Triagem II, em Piraquara, na região metropolitana. Eles vão responder por roubo e posse ilegal de arma de fogo. A polícia continua as investigações em busca de outros integrantes da quadrilha. Quem tiver informações sobre os suspeitos pode entrar em contato com o Cope por meio do número (41) 3284-6562.

Foragido

No início da tarde desta quarta-feira, um homem de 34 anos, foragido da Justiça, foi encontrado no Centro da cidade. Segundo o investigador Carlos Henrique Lima, da Delegacia de Vigilância e Capturas (DVC), o homem é acusado de, em 2004, ter roubado eletroeletrônicos da sede da Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab), no bairro Tatuquara. Em 2008, ele foi condenado a quatro anos e oito meses de prisão pelo crime e resolveu fugir. "Ele foi encontrado perto da 14h em um viaduto próximo à Rodoferroviária", conta Lima. José Henrique Fernando Santos foi encaminhado para o Centro de Triagem II.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.