i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
em vídeo

Série da Gazeta dá dicas de segurança para as mulheres

  • PorJosé Carlos Fernandes
  • 03/04/2016 22:00
Coronel Bondaruk: três décadas de pesquisas sobre segurança pública e pessoal. | Ivonaldo Alexandre / Gazeta do Povo
Coronel Bondaruk: três décadas de pesquisas sobre segurança pública e pessoal.| Foto: Ivonaldo Alexandre / Gazeta do Povo

A Gazeta do Povo publica desde o dia 3 de abril, na web, semanalmente, vídeos da série “Segurança da Mulher”, com dicas do coronel Roberson Bondaruk – reconhecido pesquisador na área de segurança pública, com 20 livros publicados.

Vídeo 1: como evitar assaltos

Vídeo 2: o que a própria vítima pode fazer em caso de violência doméstica

Vídeo 3: como juntar provas contra um chefe assediador?

Vídeo 4: cuidados nas horas das compras

Vídeo 5: postagem de fotos íntimas quase sempre extrapola a privacidade

Vídeo 6: os cuidados para evitar sequestros

Vídeo 7: a segurança no trânsito

Vídeo 8: segura ao chegar em casa

Ex-chefe do Comando da Polícia Militar e atualmente na reserva, Bondaruk soma três décadas de observações, análises estatísticas e produção de cartilhas voltadas para a defesa do cidadão. O policial ganhou reconhecimento nacional com seus livros sobre a influência da arquitetura no combate à criminalidade. Antes disso, tinha seu nome firmado entre os expoentes da polícia comunitária no Brasil, alinhando o país com discussões internacionais sobre o papel colaborativo – e menos repressivo – dos policiais.

Nessa nova fase da carreira, Bondaruk retoma suas anotações sobre as miudezas da segurança pessoal – ajudando a aplicar ao cotidiano conhecimentos sólidos da chamada ciência da segurança pública.

Estratégia doméstica

Algumas medidas elementares para manter seguro o espaço de afeto.

+ VÍDEOS

Em caso de roubo de veículo

Sangue frio, desapego e determinação em não reagir. Se houver criança no banco de trás, cuidado redobrado.

+ VÍDEOS

Em caso de sequestro

Contra todas as evidências, entender a cabeça do sequestrador ou assaltante ajuda na redução de danos.

+ VÍDEOS

As ciladas da rede

Postagem de fotos íntimas entre apaixonados quase sempre extrapola os pactos de privacidade

+ VÍDEOS

A dança das sacolas

Mulheres em compras são visadas por assaltantes. Um primeiro passo é ter ciência que o agressor tem um mapa mental do ambiente e das reações de seus alvos.

+ VÍDEOS

Nas mãos do chefe

Tido por muitos como “coisa do passado”, o assédio no trabalho se sofistica, embargando, como sempre, o direito de defesa das mulheres. Juntar provas é a palavra de ordem.

+ VÍDEOS

O inimigo íntimo

A violência que acontece dentro de casa escapa às estatísticas. O medo do companheiro prevalece à ação da Justiça, inibindo as denúncias. A vítima, contudo, não deve calar.

+ VÍDEOS

Segurança da Mulher: como se proteger de assaltos

Coronel Roberson Bondaruk, pesquisador de prevenção de criminalidade, ajuda a desvendar psicologia do assaltante e a reação de quem se vê diante de um bandido

+ VÍDEOS

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.