i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
prédio da OAB

Taxistas fazem ato em frente a local onde haverá audiência sobre Uber

Profissionais alegam que aplicativo é um crime e querem penalidades mais severas

    • Agência O Globo
    • 20/08/2015 14:32

    RIO - Cerca de cem taxistas estão reunidos na manhã desta quinta-feira em frente ao prédio da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), no Centro, onde acontecerá uma audiência pública para debater a atuação do aplicativo Uber. Segundo André de Oliveira, presidente da Associação de Assistência aos Motoristas de Táxi do Brasil, a categoria quer mostrar na audiência que o serviço prestado pelos motoristas do aplicativo é um crime.

    “O Uber é um agenciador da pirataria na cidade do Rio. Temos imagens de uma reunião do aplicativo em que mostram eles falando que em caso de motoristas multados a Uber pagaria”, contou.

    Sobre a proposta da Câmara de Vereadores de aplicar multas ao transporte (entre R$ 3 mil e R$ 7 mil), considerado ilegal, Oliveira vê como forma positiva. No entanto, ele acredita que a penalidade deveria ser mais severa, como levar os motoristas ilegais para a delegacia.

    “Quem exerce ilegalmente uma profissão está cometendo um crime, assim como um falso médicos. Esta pessoa deve ser presa”, reforça Marcos Bezerra, presidente do Conselho Regional dos Taxistas.

    Após a audiência na OAB, o grupo irá se reunir às 13 horas em frente ao prédio da Câmara dos Vereadores, na Cinelândia, onde será votado o projeto de lei que promete regulamentar o transporte individual

    Deixe sua opinião
    Use este espaço apenas para a comunicação de erros
    Máximo de 700 caracteres [0]

    Receba Nossas Notícias

    Receba nossas newsletters

    Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

    Receba nossas notícias no celular

    WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.