• Carregando...
 | Adriano Lima/ Folhapress
| Foto: Adriano Lima/ Folhapress

Um menino de 1 ano e 3 meses (foto acima) foi resgatado ileso de uma explosão por gás que fez desabar um imóvel de dois andares na Brasilândia, zona norte de São Paulo, ontem de manhã. Outras três pessoas também ficaram soterradas, mas sobreviveram. A mãe da criança, Jaqueline Rodrigues do Carmo Silva (foto ao lado), de 19 anos, foi a última a ser retirada dos escombros pelo Corpo de Bombeiros após cinco horas e meia. Também foram resgatados um garoto de 10 anos, que é deficiente, e o dono do imóvel, Edízio do Carmo Silva, de 53 anos, que teve queimaduras de terceiro grau em 30% do corpo. "A família nasceu de novo", disse o ajudante-geral Adilson do Carmo Silva, de 26 anos, marido de Jaqueline e filho de Edízio. Os vizinhos ouviram um estrondo às 7h30. Familiares acreditam que havia ao menos oito botijões de gás na residência, onde moravam oito pessoas, em dois andares e uma edícula.

0 COMENTÁRIO(S)
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]