Estragos em Ampére | Julio Cesar Alves/
Estragos em Ampére| Foto: Julio Cesar Alves/

Uma ventania na tarde desta segunda-feira (25) na cidade de Ampére, na região Sudoeste do estado, provocou estragos em pelo menos 25 moradias e também nas obras da Escola Municipal João do Couto.

Segundo moradores, o vento não durou mais do que 1 minuto, mas foi suficiente para arrancar telhados e quebrar galhos de árvores na parte mais alta da cidade, principalmente nos bairros Colina Verde, Uassari e Menino Deus.

Depois do vento, a chuva que caiu durou cerca de 20 minutos. As rajadas de vento foram tão fortes que jogaram a cobertura de uma área de festa de um imóvel a cerca de 50 metros. Ninguém ficou ferido ou desalojado.

Foz registra tempestade de poeira

Boa parte do céu de Foz do Iguaçu, no Oeste do Paraná, ficou coberto de poeira na tarde desta segunda-feira. O vento forte, que segundo a Somar Meteorologia chegou aos 85 km/h, levantou muita terra e atingiu outras cidades da região, como Santa Terezinha de Itaipu, Ciudad del Este (Paraguai) e Puerto Iguazu (Argentina).

Tempestade de poeira em FozMônica Ortega Troglio

A tempestade assustou os moradores. Muitos postaram fotografias nas redes sociais com a nuvem de poeira vista de vários pontos da cidade. A ventania chegou a provocar o destelhamento de algumas casas e quedas de galhos de árvores. Também houve registro de queda de energia em vários pontos da cidade. Algumas famílias receberam lonas distribuídas pelo Corpo de Bombeiros. O pó comprometeu a visibilidade e o trânsito chegou a ser interrompido em regiões de Foz.

De acordo com Simepar, o tempo deve permanecer abafado na fronteira, com a temperatura máxima podendo chegar aos 37ºC. Segundo a previsão, chuvas e trovoadas podem ocorrer durante a noite desta terça-feira (26).

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]