Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

O vice-presidente José Alencar anunciou ontem que ele e seu partido, o PRB, apoiam a candidatura de Michel Temer (PMDB-SP), à presidência da Câmara dos Deputados. A confirmação foi feita após uma reunião de cerca de uma hora de duração entre os dois. Alencar defendeu também que os partidos políticos negociem um acordo em favor da candidatura única do senador Tião Viana (PT-AC) para a presidência do Senado.

Esquivando-se de criticar o empenho do atual presidente da Casa, Garibaldi Alves (PMDB-RN), que tenta a reeleição, Alencar lembrou que há um acordo pelo qual o PMDB se comprometeu a apoiar o nome do PT para comandar o Senado. "Esses acordos são absolutamente respeitáveis. Fui eleito senador e conheci o Tião Viana, um dos mais lúcidos e respeitados. É mais do que natural recebermos o apoio do PMDB no Senado." No entanto, o acordo citado por Alencar não é compreendido desta forma pelos peemedebistas do Senado. Para alguns senadores, o PMDB, que é a maior bancada do Senado, tem direito a comandar a Casa.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]