Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

A CPI do BNDES aprovou, nesta quinta-feira (12), a convocação do empresário José Carlos Bumlai, amigo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Foram 13 votos favoráveis e três contrários. o requerimento é de autoria do deputado Arnaldo Jordy (PPS-PA).

Na semana passada, a oposição tentou aprovar o mesmo requerimento, mas a sessão terminou antes da votação. Bumlai obteve empréstimo de R$ 101,5 milhões do banco, apesar de sua empresa sofrer um pedido de falência. Ainda na semana passada, a CPI aprovou, inclusive com votos de representantes da base governista, a transferência de sigilos da usina São Fernando, de Dourados (MS), de propriedade de Bumlai.

Ontem, Bumlai conseguiu acesso às delações do lobista Fernando Baiano. O juiz Sergio Moro autorizou o cadastro da defesa de Bumlai ao processo que investiga os pagamentos de propinas intermediado pelo lobista. De acordo com o delator, Bumlai teria pedido propina para pagar dívida de uma nora do ex-presidente Lula e teria intermediado encontros entre executivos da Sete Brasil e o petista.

Além da íntegra da delação, a defesa de Bumlai pediu os desdobramentos, anexos, mídias eletrônicas e quaisquer elementos de provas relacionados à Operação Lava Jato em que seu nome tenha sido mencionado.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]